Notícias » Brasil

Site do Ministério da Saúde é hackeado: ‘Dados copiados’

Além do portal, o aplicativo ‘Conecte SUS’, que oferece o certificado nacional de vacinação, também saiu do ar

Penélope Coelho Publicado em 10/12/2021, às 08h25 - Atualizado às 12h58

Imagem meramente ilustrativa de hacker
Imagem meramente ilustrativa de hacker - Divulgação/Pixabay/B_A

Na madrugada desta sexta-feira, 10, o site do Ministério da Saúde saiu do ar, acredita-se que o portal tenha supostamente sofrido um ataque hacker.

Quando internautas acessavam o site, surgia uma mensagem relatando que os dados do sistema anterior tinham sido copiados e excluídos e que agora os mesmos dados estariam nas mãos desses invasores virtuais.

De acordo com informações publicadas pelo jornal Folha de São Paulo, o portal do Ministério da Saúde não foi o único a ser hackeado, o mesmo aconteceu com a plataforma Conecte SUS, que oferece o certificado nacional de vacinação.

A invasão a estes portais acontece em um período controverso a respeito da vacinação no país. Sabe-se que o governo federal optou por não seguir as regras recomendadas pela Anvisa para exigir passaporte de vacinação para viajantes, em meio à pandemia de Covid-19 e com o avanço da nova variante ômicron.

Segundo revelado na reportagem, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, se pronunciou sobre o caso e afirmou que os dados da população que estavam no ConecteSUS não serão perdidos.