Notícias » Família real britânica

Sobrinha de Diana não usou tiara da tia em casamento para evitar polêmicas

Lady Kitty Spencer se casou no último final de semana com empresário e optou por deixar acessório usado por Lady Di de fora da cerimônia

Alana Sousa Publicado em 28/07/2021, às 16h00

Charles e Diana no dia do casamento
Charles e Diana no dia do casamento - Getty Images

No último final de semana, a sobrinha da princesaDiana, Lady Kitty Spencer, se casou com Michael Lewis. O grandioso evento na Itália contou com detalhes especiais e chamou atenção pela ausência de um acessório: a tiara usada por Lady Di em seu casamento com Charles em 1981.

Kitty Spencer usou um vestido luxuoso da marca Dolce & Gabbana, em estilo vitoriano. Mas apesar dos ricos aspectos da roupa da noiva, ela decidiu não usar a famosa ‘Tiara Spencer’, que foi usada pelas irmãs de Diana, Lady Sarah Spencer e Lady Jane Spencer.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Kitty Spencer (@kitty.spencer)

 

Até mesmo a mãe de Kitty, esposa do irmão da princesa de Gales, utilizou a peça de diamantes, criada pelo britânico Garrard em 1930. No entanto, a escolha da mais recente noiva deixou todos abismados.

Segundo o site Page Six e a revista Monet, Kitty preferiu deixar de lado a tiara para evitar qualquer polêmica com o nome da tão admirada tia, que faleceu em um acidente de carro em 1997. A teoria foi levantada por fontes próximas a jovem, que optaram por manterem a identidade em segredo.

Sobre Diana

O almejo da família real britânica pelo trono máximo se tornou uma disputa de séculos na monarquia — sendo palco de inúmeras polêmicas. Na segunda metade do século 20, no entanto, uma figurinha de fora da família foi integrada para entrar na história do Reino Unido.

Diana se casou com o príncipe Charles, filho da rainha Elizabeth II, captando as atenções para um dos relacionamentos mais populares do mundo.

No entanto, no dia 31 de agosto de 1997, um acidente fatal chocava a todos. Entre suas vítimas, estava uma das mulheres mais adoradas do mundo: Diana Spencer, a Princesa de Gales. 

A morte da princesa foi tema de debate e teorias da conspiração por muitos anos, enquanto alguns acreditavam que a família de Elizabeth II estava por trás do trágico acidente, outros se questionavam se a filantropa deveria receber um funeral real, visto que ela já não era mais parte da monarquia britânica.