Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / princesa Isabel

Sobrinho de Dom Luiz, bisneto da princesa Isabel, lamenta a morte do tio: ‘Querido e admirado’

Dom Rafael presta homenagem ao tio Dom Luiz, bisneto da princesa Isabel, falecido em 15 de julho

Redação Publicado em 26/07/2022, às 19h05 - Atualizado às 19h06

Dom Rafael de Orleans e Bragança e Dom Luiz de Orleans e Bragança - Divulgação/Casa Imperial
Dom Rafael de Orleans e Bragança e Dom Luiz de Orleans e Bragança - Divulgação/Casa Imperial

Dom Luiz, bisneto da Princesa Isabel, falecido no dia 15 de julho, recebeu homenagem escrita de seu sobrinho Dom Rafael de Orleans e Bragança, divulgada no site oficial da Casa Imperial nesta segunda-feira, 25.

"Movimento Monárquico perdeu aquele que nos devolveu a liberdade de atuação política", escreve o sobrinho que inicia sua mensagem alegando que "o Brasil perdeu um Príncipe que dedicou toda a sua existência ao serviço da Pátria".

O Príncipe do Grão-Pará, seu atual título, que foi usado pela primeira vez por seu avô há mais de século — como ele mesmo explica na homenagem — agradece pela convivência com o tio, com quem, em suas palavras, aprendeu que "o serviço desinteressado ao País e a fidelidade aos valores irrenunciáveis da Monarquia e da Religião são fundamentais para todos aqueles nascidos dentro da tradição representada pela Família Imperial, sobretudo para aqueles entre nós que são chamados a dar continuidade à Dinastia".

O sobrinho declarou que dedicará toda a sua vida ao Brasil, trabalhando pelos brasileiros quando isso lhe for solicitado.

"[...] renovo meu compromisso de dedicar toda a minha vida ao Brasil, trabalhando pelos brasileiros em qualquer campo e a qualquer momento que isso me for pedido".

Para finalizar a homenagem, Dom Rafael de Orleans e Bragança, agradece pelas orações e pelos bons votos do Brasil e vindos do exterior, como ele declara.

Falecimento de Dom Luiz

DomLuiz de Orleans e Bragança, bisneto da Princesa Isabel, faleceu no dia 15 de julho, aos 84 anos, após um longo período de enfermidade. Ele estava internado desde 10 de junho no Hospital Santa Catarina, em São Paulo, e apresentou duas passagens pela UTI.

Os médicos considerarão seu caso irreversível. Dom Luiz, teve poliomielite na infância e recentemente foi diagnosticado com Alzheimer. 

Seu velório ocorreu em São Paulo, na sede social do Instituto Plinio Corrêa de Oliveira, no bairro nobre de São Paulo, Higienópolis, nos dias 16 e 17 de julho.