Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Griselda

Sofía Vergara ficou preocupada em cena de ‘Griselda’: ‘Me deixou acordada’

Série inspirada na história da narcotraficante colombiana Griselda Blanco contou com Sofía Vergara como a protagonista; confira curiosidade!

Cena de 'Griselda' - Divulgação/Netflix
Cena de 'Griselda' - Divulgação/Netflix

Um dos vários sucessos deste ano lançados pela Netflix, a série 'Griselda' despertou interesse especial entre os fãs de séries inspiradas sobre figuras reais. Não à toa: a vida de Griselda Blanco, narcotraficante colombiana, "madrinha" do Cartel de Medellín e pioneira do crime organizado, certamente é digna de uma narrativa audiovisual.

"Inspirado em eventos reais, este drama fictício retrata a jornada de Griselda Blanco desde Medelín até se tornar a 'Madrinha' do império do tráfico de drogas de Miami", destaca a sinopse da Netflix.

+ Griselda Blanco: Veja o que aconteceu com a madrinha do Cartel de Medellín

Cena difícil

Embora Sofía Vergara tenha um desempenho completamente elogiável em 'Griselda', interpretando a própria "Rainha da Cocaína", ela revelou recentemente que, em uma cena em específica, teve uma preocupação que até então nunca enfrentou em sua carreira, repercute o portal Splash, do UOL.

Isso porque, na produção, ela apareceu parcialmente nua em uma cena, o que a deixou nervosa, pois nunca chegou a mostrar muito seu corpo em trabalhos anteriores. "Acho que nunca fiz uma cena de sexo", disse ela em evento da Netflix, segundo o The Sun.

Tenho 50 anos! Quer dizer, quando eu tinha 30 anos, eu não teria me preocupado. Acho que estava preocupada com a possibilidade de parecer horrível", disse ela. "Eu estava: 'Onde vão me filmar? Na celulite? Aqui de lado? Sou vaidosa, eu acho. Essa [cena] foi uma que me deixou acordada [de noite]".

Ao fim do trabalho, porém, a atriz sentiu-se feliz com o resultado das gravações e de sua primeira experiência com cenas do tipo: "Acabou que ficou muito boa [a cena de sexo]. É sombria e o Andy [Andrés Baiz], o diretor, foi muito artístico e me deixou muito confortável. Ele disse: 'Não vamos ficar muito em cima de você'".