Notícias » São Paulo

SP: Pelo menos 21 pessoas morreram em decorrência das chuvas

A população do estado enfrenta problemas em meio às fortes tempestades

Penélope Coelho Publicado em 31/01/2022, às 10h18

Deslizamento em Francisco Morato, São Paulo
Deslizamento em Francisco Morato, São Paulo - Divulgação/Globo News

Passa de 20 o número de mortes confirmadas em decorrência dos estragos causados pelas fortes chuvas que atingem o estado de São Paulo desde o final de semana.

Segundo o Secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, pelo menos 21 pessoas morreram e cerca de 500 pessoas estão desalojadas em 11 cidades de SP.

De acordo com informações publicadas nesta segunda-feira, 31, pelo portal de notícias g1, nove das vítimas são menores de idade: oito crianças e um adolescente. A 21ª morte confirmada foi de um bebê de quatro meses, vítima de um desabamento em Itapevi, na Grande São Paulo. Sua mãe, de 27 anos, segue internada.

Os temporais desencadearam em alagamentos, rios transbordando e deslizamento de terras. O governador do Estado, João Doria, informou que irá liberar verba de R$ 15 milhões para as cidades que foram afetadas.

Segundo revelado na reportagem, em apenas 96 horas, as fortes chuvas que atingem São Paulo resultaram no acúmulo de volume de chuvas esperado para todo o mês de janeiro.