Notícias » Alemanha

Suspeito do caso Madeleine McCann é ferido na Alemanha

O homem teve duas costelas quebradas durante uma audiência e agora o incidente está sendo investigado

Redação Publicado em 17/11/2020, às 09h59

Madeleine McCann em foto de família
Madeleine McCann em foto de família - Divulgação

De acordo com informações do portal de notícias G1 divulgadas na manhã desta terça-feira, 17, Christian Brueckner, suspeito do sequestro da menina Madeleine McCann, no ano de 2007, teve duas costelas quebradas durante um incidente em uma corte na Alemanha, como relataram as autoridades locais.

Segundo a publicação, o homem que cumpre pena na Alemanha por tráfico de drogas, foi levado na segunda-feira, 16, para uma audiência em uma corte para falar sobre o processo que gerou sua prisão.

Na ocasião, o homem ficou ferido nas costelas e foi levado para um hospital, depois de sua volta a audiência foi retomada. De acordo com a reportagem, o ocorrido está sendo investigado e mais informações serão divulgadas em breve.

Brueckner é o principal suspeito de um caso que chocou o mundo: o sumiço de Madeleine, na época com quatro anos de idade, em Lagos no Algarve, Portugal.

Entretanto, as autoridades afirmam que não há evidências o suficiente para incriminar o homem. Após cumprir a pena por tráfico, sabe-se que o suspeito seguirá preso por outro crime: o estupro de uma idosa de 72 anos, ocorrido em 2005, também em Portugal.

O caso

Madeleine, de apenas 3 anos, estava com seus outros dois irmãos mais novos quando foi dada como desaparecida em 3 de maio de 2007, na vila da Luz, em Portugal.

Em um primeiro momento, a garota britânica, que estava sozinha no apartamento alugado pelos pais dela durante as férias da família, teria saído sozinha do local.

De imediato, o desaparecimento tornou-se notório pela velocidade com que as notícias eram divulgadas pela mídia. A fama do acontecimento ajudou os pais da criança a terem esperança de que poderiam encontrar sua filha. Entretanto, foi em vão.