Notícias » Afeganistão

Talibã teria matado pelo menos 20 civis no Vale Panjshir, aponta televisão local

A região foi a última a ser conquistada pelo grupo extremista

Penélope Coelho Publicado em 16/09/2021, às 14h35

Imagem ilustrativa do Afeganistão em 2002
Imagem ilustrativa do Afeganistão em 2002 - Getty Images

Na última terça-feira, 14, o grupo extremista Talibã foi acusado pela responsabilidade da morte de pelo menos 20 civis, no Vale Panjshir, Afeganistão. As informações são da revista VEJA.

A região onde as mortes foram registradas foi a última a ser conquistada pelo grupo, após as organizações rebeldes do Vale resistirem durante semanas. Contudo, no dia 6 de setembro, os jihadistas declararam sua vitória.

Como informado pela BBC, uma das mortes envolvendo civis foi registrada em vídeo. A filmagem mostra um homem usando farda sendo atingido por disparos de agentes do Talibã. Apesar da vestimenta militar, moradores da região afirmam que a vítima era um civil.

O canal de televisão local revelou que além dessa morte, pelo menos outras 19 ocorreram em Panjshir, em situação similar. Entre as vítimas, estariam alguns comerciantes da região.

O Talibã, por sua vez, nega que os alvos tenham sido civis. Desde que retomaram o poder, o grupo extremista surge com um discurso menos violento, entretanto, denúncias apontam o contrário.