Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Tartaruga com três pernas ganha rodinhas para se locomover

Resgatada de traficantes, a tartaruga Hope recebeu uma nova vida com o uso da prótese

Redação Publicado em 09/07/2022, às 11h20

A tartaruga Hope com suas rodinhas - Divulgação / Chester Zoo
A tartaruga Hope com suas rodinhas - Divulgação / Chester Zoo

Hope, uma tartaruga raríssima da espécie Astrochelys yniphora, nativa da ilha de Madagascar, tem uma nova vida depois de ser resgatada do tráfico de animais. Com apenas três pernas e dificuldade de locomoção, o espécime teve rodinhas instaladas em seu casco, o que proporcionou-lhe uma melhor qualidade de vida.

De acordo com informações da BBC, o animal foi encontrado em uma mala por funcionários da alfândega de Hong Kong, no ano de 2019, junto a outras 56 tartarugas. Mais tarde, o réptil foi enviado ao Zoológico de Chester.

Segundo especialistas, há menos de 300 Astrochelys yniphora na natureza e outras 63 vivendo legalmente fora de Madagascar, em programas de conservação da espécie. "O Zoológico de Chester é agora o lar de quatro delas", disse um porta-voz da instituição.

Ele explicou que a espécie foi "altamente valorizada por seu casco dourado e preto", alcançando "preços excepcionalmente altos" no mercado ilegal.

Nova vida para Hope

Hope recebeu suas primeiras rodinhas quando ainda estava em um centro de resgate de animais em Hong Kong. Posteriormente, a equipe de sua nova casa na Inglaterra realizou modificações no mecanismo.

Para Gerardo Garcia, veterinário do estabelecimento, Hope é "uma tartaruga incrivelmente especial" e que teve "uma história de vida notável". Ele ainda declarou que o "suporte protético de mobilidade" funcionou "maravilhosamente bem" e que o animal "se move ainda mais rápido do que seus três vizinhos".