Notícias » Ciência

Telescópio Hubble captura efeito previsto por Albert Einstein

O fenômeno foi observado por cientistas da Agência Espacial Europeia em uma foto tirada pelo equipamento. Confira a imagem!

Pamela Malva Publicado em 25/08/2021, às 20h00

Imagens de Albert Einstein e do telescópio Hubble
Imagens de Albert Einstein e do telescópio Hubble - Getty Images/ Domínio Público

Na última semana, a Agência Espacial Europeia (ESA) divulgou uma imagem impressionante, produzida pelo telescópio Hubble. Acontece que, segundo o Olhar Digital, a foto comprova a aplicação física de um fenômeno previsto por Albert Einstein.

Registrado pelo equipamento, trata-se do chamado efeito de “lente gravitacional”, um evento relacionado à gravidade que conhecemos. Com ele, a luz do espaço é distorcida o suficiente a ponto de permitir que o espaço-tempo torne-se “visível”. Foi esse o conceito identificado pelo físico alemão Albert Einstein em meados de 1912.

Muito além de uma teoria, todavia, o fenômeno pode ser observado na fotografia tirada pelo Hubble. Na imagem, um círculo composto por dois pontos centrais, ambos galáxias, e outros quatro pontos menores que parecem estar girando chama a atenção.

Fotografia tirada pelo telescópio Hubble / Crédito: Agência Espacial Europeia (ESA)

 

É nesse sistema que se aplica a lente gravitacional, já que os seis pontos que vemos, na verdade, são apenas três. Segundo o Olhar Digital, a ilusão acontece porque o peso causado pela massa das duas galáxias é tão grande que a luz gerada por um quasar que gira em torno delas acaba sendo distorcida e amplificada, formando um círculo.

Muito além de criar fenômenos curiosos, contudo, a lente gravitacional é de extrema importância para os cientistas, já que pode ter diversas aplicações no estudo do espaço. Como, teoricamente, tudo que tem massa pode se tornar uma lente, o efeito nos permite mensurar o peso de uma galáxia ou identificar um buraco negro, por exemplo.