Notícias » Música

Temendo má interpretação atualmente, Rolling Stones retiram 'Brown Sugar' de setlist

Keith Richards detalhou, junto de Mick Jagger, o primeiro corte no setlist desde a morte do baterista Charlie Watts

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 14/10/2021, às 15h25

Rolling Stones reunidos em apresentação sem Charlie
Rolling Stones reunidos em apresentação sem Charlie - Getty Images

“Brown Sugar”, um dos clássicos dos Rolling Stones, está de fora da nova turnê do grupo nos Estados Unidos.

A canção é excluída da lista de execuções dos shows da banda britânica pela primeira vez em 51 anos, quando adicionada ao setlist no ano de 1970. Contudo, se engana quem acredita que trata-se de uma homenagem ao baterista Charlie Watts, falecido em agosto deste ano.

Em entrevista ao jornal Los Angeles Times, o vocalistaMick Jagger e guitarrista Keith Richards detalharam o motivo da retirada, relatando que o primeiro verso da música, que diz “navio negreiro da Costa do Ouro com destino a plantações de algodão”, pode ser mal interpretada em 2021, por mais que seja uma crítica à escravidão.

Eles não entenderam que esta era uma música sobre os horrores da escravidão? Mas eles estão tentando enterrá-la... No momento não quero entrar em conflito com toda essa m**da. Mas espero que possamos ressuscitar o bebê em sua glória em algum lugar ao longo do caminho”, disse o guitarrista.

Mick acrescentou que a ação também visou ver a reação dos fãs de longa data: "Às vezes você pensa, 'vamos tirar por agora e ver no que vai dar.’ Podemos colocá-la de volta. O setlist em um show no estádio é meio difícil”.