Notícias » Ásia

Tempestade derruba árvores em templos históricos do Angkor Wat

O mais famoso sítio da história do budismo sofreu esse acidente após fortes ventos causados pela tempestade

André Nogueira Publicado em 14/04/2020, às 12h05

Queda de árvore em Angkor Wat
Queda de árvore em Angkor Wat - Divulgação

Durante uma forte tempestade que tomou o Camboja, árvores antigas caíram e danificaram estruturas de Angkor Wat, sítio mais famoso do mundo sobre história do budismo. O acidente contra o Templo Ta Prohm, a norte da cidade de Siem Reap, ocorreu no início da festividade de Ano Novo que ocorre no país. Vilarejos menores também foram atingidos.

Crédito: Divulgação

 

"Na noite de 12 de abril de 2020, até a manhã de 13 de abril de 2020, uma tempestade trouxe ventos fortes e uma chuva torrencial em todo o país", afirmou o Cambodia News sobre o acidente na região tombada pela UNESCO. Segundo Long Kosal, responsável pelo parque arqueológico e reproduzido pelo jornal Phnom Penh Post, "sete pinheiros escoceses e outras árvores menores na área de Angkor caíram no domingo devido aos ventos fortes".

Crédito: Divulgação

 

Contra o monumento do Império Khmer, quatro árvores foram derrubadas pelas rajadas, entre elas, uma “de séculos que crescia no templo”. A queda prejudicou construções do local, famoso pelos relevos budistas estabelecidos no século 13 pelo rei Jayavarman VII. Outro acidente do mesmo tipo danificou o templo Angkor Wat, do século 12, construído por Suryavarman II.

Crédito: Divulgação

 

Por sorte, os acidentes não resultaram em danos irreparáveis e nenhum dos casos trouxe significativo prejuízo. Fotos divulgadas em mídias diversas mostram que as artes religiosas mantiveram-se intactas. As "autoridades especializadas estão removendo as árvores derrubadas”, segundo o Phnom Penh.