Notícias » Índia

Templo antigo, submerso na Índia, reaparece na superfície depois de quase 90 anos

Localizado em Odisha, a estrutura histórica tem quase 500 anos e intriga os pesquisadores

Alana Sousa Publicado em 17/06/2020, às 11h00

Detalhe do templo submerso na Índia
Detalhe do templo submerso na Índia - Divulgação/Youtube

No estado de Odisha, lado leste da Índia, um templo antigo de cerca de 500 anos, que estava submerso no rio Mahanadi, começou a emergir para a superfície. A estrutura histórica — e toda a vila ao seu redor, na cidade de Nayagarh — foi engolida pelas águas durante uma enchente, em 1933.

Em um bom estado de preservação, os arqueólogos estimam que o templo tenha sido construído entre os séculos 15 e 16, levando em consideração seus detalhes e arquitetura. Feito como uma homenagem ao deus hindu Gopinath, a relíquia de 20 metros está sendo estudada pelos pesquisadores do Fundo Nacional Indiano para o Patrimônio Cultural e Artístico (INTACH).

Na imagem é possível observar a ponta do templo indiano / Crédito: Divulgação/Youtube

 

“O templo deve ser restabelecido, pois temos tecnologia conosco. Este não é o primeiro templo submerso que foi recuperado por nós”, afirmou o chefe do INTACH, Anil Kumar Dhir. O especialista ainda acrescenta que existem 65 templos subaquáticos na região, porém, como este é o mais alto, tornou-se o único visível e disponível para análises.

Há um longo tempo o templo estava na mira dos arqueólogos, que pretendem gravar um curta com detalhes sobre o passado do lugar. Mas apenas alguns dias atrás que Dhir recebeu a informação de que o que tanto buscava, enfim, havia encontrado: “Estamos trabalhando em um projeto - documentando o vale Mahanadi, então estávamos em busca desse templo. Cerca de uma semana atrás, fomos informados de que a superfície superior do templo é visível”, concluiu o pesquisador.