Notícias » Peru

Terremoto deixa 117 casas destruídas no Peru

Um tremor de magnitude 7,5 atingiu o país no último domingo, 28

Redação Publicado em 30/11/2021, às 10h28

Casas ficaram destruídas após o terremoto
Casas ficaram destruídas após o terremoto - Divulgação / G1

Mais de 2.000 pessoas foram afetadas por um terremoto de magnitude 7,5 no norte do Peru, no último domingo, 28.

Segundo as autoridades do país vizinho ao Brasil, ao menos 12 delas ficaram feridas, além de que 117 casas, 5 igrejas, entre outros estabelecimentos, foram destruídos.

"Até o momento, registramos 2.412 pessoas afetadas, 117 casas destruídas e 12 feridos", disse o diretor de Defesa Civil, Miguel Yamasaki.

O profissional acrescentou que também um posto de saúde, além de mais de 1,5 quilômetros de estradas foram afetados.

Segundo informações do UOL, o tremor teve início às 5h52 no horário local (7h52, em Brasília), sendo que seu epicentro se deu 98 quilômetros a leste de Santa María de Nieva, a uma profundidade de 131 quilômetros.

Após o ocorrido, o presidente peruano, Pedro Castillo, declarou estado de emergência nas regiões do Amazonas, Cajamarca, Loreto e San Martín, as mais afetadas pelo sismo.

"Garanto que não descansaremos até que toda a população afetada recupere as condições dignas que todos os peruanos merecemos", declarou Castillo na última segunda-feira, 29.

Juan Carrasco, o ministro da Defesa informou que foi organizada uma ponte aérea com helicópteros das Forças Armadas para resgatar pessoas que estão isoladas no distrito de Jamalca, no Amazonas, em razão do desabamento de uma rodovia.

"O presidente está empenhado em recuperar todos os locais onde há pessoas isoladas, por meio do transporte aéreo. No momento estamos trabalhando na ponte aérea com o Comando Conjunto das Forças Armadas", afirmou.