Notícias » Crimes

Trio de ladrões de relíquias arqueológicas é preso em Israel

Os criminosos foram capturados em Tel Aviv, juntamente com joias, moedas e cerâmicas de diferentes períodos e culturas

Alana Sousa Publicado em 05/01/2021, às 12h45

Vaso grego apreendido em operação anti-contrabando
Vaso grego apreendido em operação anti-contrabando - Divulgação/Autoridade de Antiguidades

Na última segunda-feira, 4, autoridades de Israel prenderam um trio de criminosos procurados por crimes de furto e contrabando de relíquias históricas. A informação foi divulgada pelo portal The Jerusalem Post, que também relatou que os homens foram capturados em um apartamento na cidade de Tel Aviv.

O trio, que já era famoso internacionalmente por seus furtos, tinha como palco de suas ações não só o Oriente Médio, mas a África e América do Sul. Após roubarem itens valiosos, eles os vendiam por uma fortuna no mercado ilegal.

Na residência onde foram encontrados os fugitivos, os policiais apreenderam joias, moedas, cerâmicas e estatuetas de divindades romanas — consideradas raras e bastante valiosas monetariamente. A prisão foi resultado de meses de investigação realizada pela Autoridade Tributária e a Autoridade de Antiguidades (IAA).

Os três criminosos, dois de 60 anos e um de 40, serão indiciados por lavagem de dinheiro, fraude e venda ilegal de itens arqueológicos. “Esta é uma das operações mais significativas realizadas na [história] do país para combater o comércio ilegal de artefatos”, falou Amir Ganor, chefe da Unidade Antifurto do IAA.

Sobre arqueologia

Descobertas arqueológicas milenares sempre impressionam, pois, além de revelar objetos inestimáveis, elas também, de certa forma, nos ensinam sobre como tal sociedade estudada se desenvolveu e se consolidou ao longo da história. 

Sem dúvida nenhuma, uma das que mais chamam a atenção ainda hoje é a dos egípcios antigos. Permeados por crendices em supostas maldições e pela completa admiração em grandes figuras como Cleópatra e Tutancâmon, o Egito gera curiosidade por ser berço de uma das civilizações que foram uma das bases da história humana e, principalmente, pelos diversos achados de pesquisadores e arqueólogos nas últimas décadas.