Notícias » Estados Unidos

EUA: Trump insinua ser montagem vídeo de idoso sendo empurrado por policiais durante protesto

Martin Gugino, de 75 anos, foi hospitalizado e os policiais envolvidos na ação truculenta foram acusados de agressão

Caio Tortamano Publicado em 09/06/2020, às 14h16

Vídeo mostra idoso sendo empurrado por policiais, que demoram a socorrer
Vídeo mostra idoso sendo empurrado por policiais, que demoram a socorrer - Divulgação

Depois do vídeo que mostra um idoso sendo empurrado por policiais e sangrar durante manifestação, o presidente americano Donald Trump insinuou que poderia se tratar de uma montagem. Através de sua conta oficial no Twitter, o presidente disse que iria verificar a veracidade do vídeo.

O presidente ainda levantou a hipótese de que Gugino era um membro antifa, o que não é verdade. O homem de 75 anos é um militante dos direitos humanos, que não estava escaneando a comunicação da polícia, como Trump também insinua pelo tweet.

O fato ocorreu durante uma manifestação contra a violência sistemática da polícia contra os negros e contra o racismo em geral, Martin Gugino, um senhor branco de 75 anos, foi empurrado enquanto se dirigia a um grupo de policiais.

Dois policiais de Buffalo, em Nova York, foram acusados de agressão depois que o vídeo viralizou nas redes sociais.  Depois de cair, o idoso permaneceu imóvel e podia ser visto sangue escorrendo e formando uma poça no chão. Atualmente, Gugino passa bem.