Notícias » Ucrânia

Ucraniano campeão mundial de kickboxing morre em combate

Maksym Kagal lutou ao lado a força paramilitar de extrema-direita Azov, acusada de promover o neonazismo

Redação Publicado em 29/03/2022, às 09h59

O atleta ucraniano Maksym Kagal
O atleta ucraniano Maksym Kagal - Divulgação/Redes sociais

O ucraniano campeão mundial de kickboxing Maksym Kagal, de 30 anos, morreu enquanto estava em combate na última sexta-feira, 25, durante o conflito do país contra a Rússia, confirmou o técnico do atleta, Oleh Skyrta, pelas redes sociais.

Kagal lutava ao lado da força paramilitar de extrema-direita Azov, frequentemente acusada de promoção do neonazismo. Ele estava atuando na cidade de Mariupol, que vinha sofrendo com grandes ofensivas russas.

"Infelizmente, no último dia 25 de março, Maksym ‘Piston’ Kagal foi morto enquanto defendia a cidade de Mariupol com uma unidade do batalhão Azov”, escreveu o treinador.

“[Kagal] Foi o primeiro campeão mundial de kickboxing da gloriosa cidade de Kremenchug, o primeiro campeão mundial adulto da equipe da Ucrânia, além de uma pessoa honesta e decente. Descanse em paz, irmão, nós vamos vingar você", acrescentou.

O atleta foi campeão mundial pela equipe ucraniana em 2014 e em 2020 em campeonatos organizados pela ISKA, International Sport Karate Association, segundo relatou o portal UOL.