Notícias » Ucrânia

Uma criança ucraniana se torna refugiada a cada segundo, revela Unicef

A triste conclusão leva em conta o número de pequenos que escaparam do país desde o início da invasão russa

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 15/03/2022, às 11h13

Fotografia meramente ilustrativa de ursinho de pelúcia segurando sinal de "Pare a Guerra"
Fotografia meramente ilustrativa de ursinho de pelúcia segurando sinal de "Pare a Guerra" - Divulgação/ Pixabay/ murrrchalla

A invasão das tropas russas à Ucrânia ocorreu no último dia 24 de fevereiro, e, desde então, 1,4 milhões de crianças escaparam do território em guerra, conforme divulgado pela Unicef, nesta terça-feira, 15. 

Este número equivale a uma criança por segundo tornando-se refugiada, ou 7 mil por dia. A chocante estatística divulgada pela organização revela a verdadeira dimensão do impacto do conflito iniciado pelo governo de Putin

"Em termos de velocidade e escala, essa crise é sem precedentes desde a Segunda Guerra Mundial", afirmou James Elder, que é o porta-voz do órgão da ONU dedicado à proteção da infância. 

A vulnerável situação de refugiado, vale dizer, expõe crianças à todo tipo de risco, como o de terem suas famílias separadas, de sofrerem violência física ou sexual e até mesmo se tornarem vítimas de tráfico humano. 

"Eles precisam desesperadamente de serviços de segurança, estabilidade e proteção infantil", alertou Elder