Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Europa

União Europeia vai receber número ilimitado de refugiados ucranianos

Anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira, 24

Paola Orlovas, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 24/02/2022, às 12h48

Imagem ilustrativa - Getty Images
Imagem ilustrativa - Getty Images

A União Europeia anunciou, durante a manhã desta quinta-feira, 24, que está disposta a receber um número ilimitado de refugiados que tenham deixado a Ucrânia para escapar dos ataques russos. 

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciou que a Ucrânia receberá um suporte financeiro de 1 bilhão de euros, e também explicou que os cidadãos que estão fugindo do país receberão asilo e "total assistência":

Não sabemos quantos refugiados serão, mas estamos totalmente preparados para aceitá-los", afirmou von der Leyen na manhã desta quinta-feira, 24. 

A Alemanha também se manifestou sobre os refugiados ucranianos, dizendo que prestará ajuda aos países vizinhos, como a Polônia, caso necessitem, devido a fluxos de grande escala de pessoas. O comunicado, segundo o portal de notícias UOL, foi feito por Nancy Faeser, a ministra do Interior do país:

Estamos acompanhando de perto se haverá um influxo de refugiados para nossos países vizinhos", disse a ministra do Interior alemã.

Pavel Szefernaker, que ocupa o cargo de secretário do Ministério do Interior da Polônia, também afirmou que o país poderá abrigar ucranianos, explicando: "Nas próximas horas, oito centros serão instalados nas voivodias de Lublin e Subcarpathian perto da fronteira ucraniana para admitir refugiados da Ucrânia."