Notícias » Personagem

Vândalos roubam cinzas de Gandhi em seu 150º aniversário

Pôster em sua homenagem também foi pichado com a palavra “traidor”

Isabela Barreiros Publicado em 07/10/2019, às 14h15

None
- Reprodução

Na cidade de Rewa, Índia, vândalos entraram no memorial Bapu Bhawan e roubaram parte das cinzas do ativista Mahatma Gandhi. Além disso, eles também picharam um pôster do local com a palavra “traidor”.

De acordo com o jornal local India Today, o líder de um partido político da região, Gurmeet Singh, que estava indo para o local prestar homenagens à Gandhi com outros políticos, descobriu o vandalismo.

“Isso aparenta ter sido feito por apoiadores de Nathuram Godse, o assassino de Gandhi. Esse ódio deve parar imediatamente, e a polícia deve agir rapidamente para identificar e prender os culpados”, comentou.  

“Quando voltei, por volta das 11 da manhã, eu não encontrei os restos mortais e o pôster estava vandalizado”, disse o zelador do memorial, Mangaldeep Tiwari, quando questionado pelo jornal The Wire. O crime aconteceu em meio às homenagens aos 150 anos do nascimento do ativista.


Saiba mais sobre a vida de Gandhi no livro Mahatma Gandhi, de Joseph Lelyveld - https://amzn.to/2oW2GoH

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível de produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.