Notícias » Arqueologia

Vaso de cerâmica intacto de 3.000 anos é encontrado no fundo de rio da Polônia

Objeto da Idade do Bronze foi revelado no leito do Rio Gwda, no leste europeu, e possivelmente se trata de uma panela. Confira imagens!

André Nogueira Publicado em 23/04/2020, às 07h24

Vaso de barro
Vaso de barro - Divulgação/Youtube

Um vaso de cerâmica em bom estado de preservação foi encontrado no fundo do rio Gwda, na Polônia, e data da Idade do Bronze. Após filmagens do processo de escavação, o objeto de 3.000 anos foi retirado do leito e encaminhado para uma unidade de conservação.

O vaso, possivelmente uma panela, é feito de barro bruto moldado à mão, com uma perna de apoio oca, de acordo com a divulgação do Museu de Piła, no norte do país.

Como o objeto foi encontrado / Crédito: Divulgação/Youtube

 

Escavação / Crédito: Divulgação/Youtube

 

Crédito: Divulgação/Youtube

 

Objeto no acervo / Crédito: Museu Distrital de Pila

 

O achado valioso ocorreu durante um mergulho da unidade de Resgate Aquático da Brigada de Incêndio Voluntária da cidade, e o responsável foi o membro Jacek Jackowiak, que recebeu auxílio do arqueólogo de um museu distrital, Jaroslaw Rola.