Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Antonio Stradivari

Violino de 1679 vai à leilão por R$ 54 milhões

Instrumento foi feito por Antonio Stradivari em 1679

Luisa Alves, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 07/06/2022, às 15h36

Antonio Stradivari - Divulgação/ Oberndorfer, Anne Faulkner (1921)
Antonio Stradivari - Divulgação/ Oberndorfer, Anne Faulkner (1921)

Um violino de 1679 feito pelo artesão italiano, Antonio Stradivari, pode atingir R$54 milhões ao ser leiloado, em julho. 

A peça será oferecida pela casa de leilões Christie’s em sua edição de 7 de julho. Segundo especialistas, o instrumento é considerado o mais bem preservado entre os decorados e o mais requintado violino já feito por Stradivari, sendo ornamentado com diamantes de marfim e com acabamento em verniz dourado. 

O 'Hellier' Stradivarius é o violino ornamentado mais requintado já feito por... Stradivari e um dos mais requintados instrumentos Stradivarius que existem", disse a casa de leilões Christie's à Reuters.

O instrumento tem um preço estimado de 6 a 9 milhões de libras, o que equivale a algo aproximadamente entre R$ 36 milhões e R$ 54 milhões. Ele foi mantido por Antonio Stradivari por 55 anos e vendido em 1734 por 40 libras. As informações são do G1.

Os violinos Stradivarius

Os instrumentos fabricados pelo renomado artesão, ficaram conhecidos como Stradivarius ou strad. Antonio Stradivari fez aproximadamente 1.100 instrumentos ao longo de sua carreira. Daqueles que ainda existem, cerca de apenas meia dúzia foram embelezados com decoração. Suas técnicas para confecção, considerada requintada, dos violinos não foram completamente desvendadas até hoje. De acordo com  Leonhard,especialista em violino e consultor da Christie's Florian, para a Reuters, uma peça pode custar cerca de US$ 8 milhões e US$ 20 milhões, o que equivale a R$ 38 milhões e R$ 95 milhões.

Dos cerca de 1.100 instrumentos que Stradivari fez ao longo de sua carreira, apenas cerca de uma dúzia são embelezados com decoração, e este é considerado pelos curadores do Smithsonian como o exemplo existente mais bem preservado", disse a casa Christie's em um comunicado.