Notícias » Saúde

Vírus mortal que incha cérebro mata garoto de 12 anos e ativa alerta na Índia

O vírus Nipah (NiV) também tem origem em morcegos e chama atenção pelos sintomas silenciosos

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Penélope Coelho Publicado em 11/09/2021, às 08h57

Imagem ilustrativa de vírus visto de microscópio
Imagem ilustrativa de vírus visto de microscópio - Getty Images

Autoridades sanitárias da Índia observam com atenção um caso registrado no município de Kozhikode, no estado de Kerala; no último domingo, 5, um adolescente local morreu após ser infectado com o vírus Nipah (NiV), como informa o portal Catraca Livre. Altamente transmissível e letal, o potencial pandêmico da enfermidade resultou em um novo chamado para a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Assim como o novo coronavírus, a doença tem relação com morcegos, sendo neste caso os frugívoros, e pode causar dificuldades na respiração, dor de garganta e pelo corpo, além de fadiga. Porém, o Nipah chama atenção pela possibilidade de desenvolvimento de encefalite, que resulta em inchaço no cérebro e pode prejudicar o funcionamento parcial ou completo.

Foi o caso do adolescente de 12 anos, que deu entrada do hospital local relatando febres altas ao longo da semana anterior, descobrindo já estar acometido por um grave inchaço cerebral. A descoberta do caso resultou no isolamento de ao menos 188 pessoas que possam ter tido contado com o jovem, evitando a propagação e observando sua transmissão.

O vírus foi identificado pela primeira vez em 1999, sendo classificado como um dos dez mais perigosos da Ásia pela OMS, mas com poucos registros humanos por contato direto, sendo a maioria dos casos históricos.