Notícias » Japão

Vítimas de Fukushima processam usina após diagnóstico de câncer

Acidente nuclear aconteceu no ano de 2011

Penélope Coelho Publicado em 27/01/2022, às 08h06 - Atualizado às 09h41

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Getty Images

De acordo com informações divulgadas nesta quinta-feira, 27, seis japoneses decidiram processar a usina nuclear de Fukushima mais de dez anos depois da tragédia. As vítimas desenvolverem câncer.

Os casos em questão aconteceram alguns anos após o desastre nuclear de 11 março de 2011, na ocasião, um terremoto desencadeou em um tsunami que atingiu a usina, localizada na região norte do país.

Segundo revelado pela BBC, os jovens tinham entre seis e 16 anos na época. Ambos afirmam que a doença aconteceu em decorrência da exposição à radiação. Todos eles apresentaram câncer de tireoide e foram submetidos a cirurgias.

De acordo com a reportagem, o advogado das vítimas informou que nenhum dos pacientes tinha histórico de câncer de tireoide e a maioria enfrentou grandes dificuldades com o diagnóstico.  

O processo em questão busca que a operadora da usina, a Tokyo Electric Power Company, pague uma indenização de 5,4 milhões de dólares. Em nota, um porta-voz da empresa informou que está ciente da queixa, mas não comentou o caso.