Notícias » Estados Unidos

Viúva do criador da Playboy destruiu 'nudes de vingança' guardados por ex-marido

Diversas acusações apontam que Hugh Hefner tirava fotos de garotas bêbadas e drogadas para chantageá-las

Wallacy Ferrari Publicado em 26/01/2022, às 11h49

Hugh e Crystal em fotografia
Hugh e Crystal em fotografia - Divulgação / Instagram / crystalhefner

A modelo norte-americana Crystal Hefner, viúva deHugh Hefner, fundador da marca Playboy e administrador da revista adulta até os últimos dias de vida, se manifestou em redes sociais após diversas acusações de que o ex-companheiro chantageava garotas da mansão Playboy com fotos nuas.

A revelação está sendo feita ao longo dos episódios da série de reportagens “Secrets of Playboy”, que transmitirá 10 episódios no canal por assinatura A&E, tendo o seu primeiro veiculado na última segunda-feira, 24. De acordo com uma das modelos que namorou o magnata, Holly Madison, ele acumulava nudes de meninas para que não o abandonassem.

"Ele tinha todos os tipos de fotos de mulheres nuas, que tirava quando estávamos bêbadas. Era simplesmente nojento", afirmou a jovem. A surpresa no posicionamento de Crystal, no entanto, foi vista com felicidade pela denunciante; ela confirmou o comportamento do ex-marido, mas se comoveu com a situação.

De acordo com ela, pouco após o óbito de Hugh, ela mesmo deu um fim no material: “Eu encontrei milhares dessas fotos de câmeras descartáveis das quais você estava falando, Holly Madison. Imediatamente as rasguei e destruí cada uma delas para você e todas as outras mulheres que estavam nelas”.