Notícias » Crimes

‘Vovó do crime’, conheça a idosa de 89 anos presa por latrocínio contra ex-PM

Maria do Socorro Ramos estava foragida desde 2015, depois de matar seu ex-companheiro; idosa é dona de extensa ficha criminal

Fabio Previdelli Publicado em 14/03/2022, às 13h18

Maria Socorro de Ramos, a 'vovó do crime'
Maria Socorro de Ramos, a 'vovó do crime' - Divulgação

Na última sexta-feira, 11, a idosa Maria do Socorro Ramos, de 89 anos, foi presa pela polícia em São Paulo. A idosa era procurada pelo crime de latrocínio (roubo seguido de morte), além de ter uma extensa ficha criminal

Maria do Socorro vinha sendo procurada desde 2015 após ter envolvimento no assassinato de seu ex-companheiro. Pelo crime, ela havia sido condenada a 32 anos de prisão. Além do mais, de acordo com a Justiça, a idosa praticava roubos e furtos desde 1976. 

Ela está condenada por latrocínio junto com o filho. Ela e o filho mataram o convivente dela, que era um ex-PM. O filho foi condenado a 33 anos de cadeia e ela a 32. O crime aconteceu em 2013 e ela estava foragida da Justiça e está com mandado de condenação desde 2019”, informou Fábio Pinheiro Lopes, diretor do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), em entrevista à Band. 

Quando foi detida, Maria do Socorro estava trabalhando em um condomínio, onde atuava como cuidadora de idosos. Na ocasião, a polícia investigava casos de roubos de apartamentos.

A família que contratou a idosa não sabia de seu histórico. Agora, as autoridades investigarão se ela tem envolvimento ou não com os crimes relatados no condomínio em que trabalhava.