Moda com História » Entretenimento

Faltando 10 milhões, ‘Casa Gucci’ ainda não cobriu o orçamento

A bilheteria do filme, lançado em 25 de novembro, ainda não atingiu o valor investido para a sua produção

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 07/12/2021, às 17h08

Cena do filme "Casa Gucci", de 2021
Cena do filme "Casa Gucci", de 2021 - Divulgação / Universal Pictures

O filme “Casa Gucci” conta a história, principalmente, do turbulento romance entre Patrizia Reggiani e Maurizio Gucci, que acabou no assassinato do herdeiro em 1995. Além disso, estrelando Lady Gaga e Adam Driver nos papéis principais, a obra foi uma das mais esperadas do ano de 2021.

No entanto, com seu lançamento em 25 de novembro e, consequentemente, duas semanas em cartaz nos cinemas pelo mundo inteiro, a bilheteria de “Casa Gucci” ainda não cobriu o valor investido na produção do filme, que, segundo a revista Variety, foi de 75 milhões de dólares, montante equivalente a quase 427 milhões de reais.

A obra cinematográfica, de acordo com os números divulgados pelo portal de notícias POPline, faturou, internacionalmente, US$ 67,2 milhões de dólares nas primeiras duas semanas, com destaque para os Estados Unidos, que cobrem quase metade do valor ganho por “Casa Gucci”.

A história do filme foi alvo de críticas de descendentes diretos de Maurizio Gucci e acusada de tornar o caso extremamente sensacionalista, além das diversas críticas que a atuação de Lady Gaga como Patrizia Reggiani teve. 

A estrela do pop passou muito tempo antes do lançamento da obra falando sobre suas técnicas de atuação dentre deste papel, até afirmando ter realmente entendido o personagem de Reggiani, como Gaga mesma falou em entrevista com o site Hugo Gloss.

“É quase como se ela [Patrizia] estivesse existindo no mundo deles e ela estivesse tentando muito ser a condutora, e todo o poder que ela tem é uma ilusão porque, instantaneamente, quando os homens dizem ‘não’, eles a descartam e é isso”, explicou.