Matérias » Inglaterra

Há 431 anos, o papa Paulo III excomungava Henrique VIII da Inglaterra

O desejo do monarca em se separar de sua esposa levou o país a não só um rompimento com o papa, mas com toda a religião católica

Caio Tortamano Publicado em 17/12/2019, às 06h00

Henrique VIII
Henrique VIII - Wikimedia Commons

Na busca por um herdeiro homem, o rei Henrique VIII não via em sua esposa, Catarina de Aragão, a juventude necessária para suportar mais uma gravidez, após não terem conseguido nenhum filho homem que sobrevivesse até a idade adulta.

Assim, o monarca inglês se via com três possibilidades: A primeira era legitimar um filho bastardo (sendo necessário intervenção do papa), a segunda era casar sua filha o mais rápido possível para que tivesse um filho homem (impossível por ela ainda ser criança), e a terceira era se separar de Catarina para tentar engravidar uma moça mais jovem.

Casamento difícil

A próxima rainha já era escolhida: Ana Bolena era sua principal amante e estava sempre na comitiva da rainha. Com a separação em mente, Henrique começou um gradual afastamento da Igreja Católica, e se dispôs a apresentar uma infração em seu próprio casamento com Catarina — por ela ser viúva do irmão do monarca.

Porém, o Papa Clemente VII não acatou a denúncia de Henrique e seguiu não tendo pelos próximos anos nenhuma intenção de dar ao rei da Inglaterra o tão sonhado divórcio.

Esse foi um dos grandes motivos da Reforma Protestante na Inglaterra. Catarina foi expulsa da corte real e seus aposentos foram entregues à Ana mesmo sem a permissão do Papa. E quem teve a bênção de líder máximo católico foi Thomas Cromwell, Arcebispo da Cantuária.

Mais tarde, Thomas viria a ser um dos líderes da Reforma e um dos responsáveis por construir o caso para a anulação definitiva do casamento entre Henrique e Catarina.

O fato da Inglaterra ter se separado do catolicismo levou o Papa Paulo III a excomungar da Igreja Católica o futuro líder da Igreja Anglicana. O rei Henrique não era mais católico em dezembro de 1538, e Paulo tentou conter, sem sucesso, a Reforma Protestante.


Saiba mais sobre a vida de Henrique VIII e a Reforma Protestante através das seguintes obras:

As seis mulheres de Henrique VIII (edição de bolso), Antonia Fraser (2009)

link: https://amzn.to/35setLP

História da reforma: Um dos acontecimentos mais importantes da história do cristianismo em uma narrativa clara e envolvente, Carter Lindberg (2017)

link: https://amzn.to/34qqFvg

A reforma protestante, Peter Marshall (2017)

link: https://amzn.to/2qWZJ8y

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.