Matérias » Personagens

47 anos sem Pablo Picasso, o mestre do século 20

Neste dia, em 1973, o mundo perdia o artista que mudou a história do cubismo

Penélope Coelho Publicado em 08/04/2020, às 11h03

Pablo Picasso em 1962
Pablo Picasso em 1962 - Wikimedia Commons

Pablo Ruiz Picasso nasceu em 25 de outubro de 1881, em Málaga, Andaluzia, na Espanha. Radicado na França, ele é filho de um professor de desenho e estudou na Escola Belas Artes de sua cidade natal. Desde muito jovem, sua maneira de se expressar através da arte já deixava claro que ele estava predestinado.

Aos 16 anos, seguiu para Barcelona onde fez relações significativas no mundo da arte, e foi a partir daí que surgiram suas primeiras obras importantes. Picasso ficou conhecido como um dos fundadores do cubismo e inventor da colagem, explorando vários estilos e cores.

Dentre as suas obras mais famosas estão os quadros cubistas As Meninas D’Avignon, de 1907 e Guernica, pintado em 1937. Ao longo de sua vida, excepcionalmente longa, o pintor marcou a História.

Guernica, obra de Pablo Picasso pintada em 1937 / Crédito: Wikimedia Commons

 

Pablo Picasso morreu em 8 de abril de 1973 em Mougins, na França, aos 91 anos de idade. Na noite que sucedeu sua morte, ele estava em casa com amigos e teria feito um brinde dizendo: “Bebam à minha saúde. Vocês sabem que não posso beber mais”. Após esse momento de confraternização, ele foi para seu ateliê e pintou até 3h da manhã.

No dia seguinte, acordou cedo e com fortes dores no peito, sem conseguir se levantar ele morreu poucos minutos depois em decorrência de um ataque cardíaco. Ele foi sepultado no Castelo de Vauvenargues, no sul da França, país onde ele passou grande parte de sua vida.

Confira 5 curiosidades sobre Pablo Picasso para conhecer um pouco mais desse grande artista.

Pablo Picasso em seu ateliê / Crédito: Getty Images

 

1. Complicações em seu nascimento  

O futuro artista deu bastante trabalho para sua mãe na hora do parto. O processo foi difícil para ela, Picasso nasceu bem fraco. Quando a parteira viu o bebê tão pequeno e magro, ela pensou que ele estivesse morto, a mulher deixou a criança em uma mesa e foi cuidar da mãe de Pablo. Porém, seu tio, um médico chamado Don Salvador, percebeu que o bebê respirava e salvou sua vida.

Picasso já deu algumas declarações curiosas sobre esse momento ao longo de sua vida: “Os médicos na época costumavam fumar charutos grandes, e meu tio não era exceção. Quando ele me viu deitado lá, ele soprou fumaça na minha cara. Para isso, imediatamente reagi com uma careta enfurecida.”. Afirmou.

2. Sua primeira palavra

Parece mesmo que ele já nasceu um artista. Em declarações ele disse que a primeira sílaba que saiu de sua boca foi “pis”, quando estava querendo balbuciar a palavra lápis. Seu pai era um artista e professor de arte, Pablo cresceu rodeado de pinturas e artefatos manuais. Quando o menino completou 13 anos, seu pai prometeu desistir da pintura por perceber que o filho já o havia superado.

3. O primeiro desenho do artista

Aos 9 anos de idade, Picasso fez a sua primeira pintura: Le picador, que retratava um homem andando de cavalo em uma tourada. Seu primeiro quadro relevante veio quando ele estava para completar 16 anos, em um trabalho acadêmico. Intitulado Primeira Comunhão, ele pintou seu pai, mãe e irmã mais nova ajoelhada diante de um altar.

4. Como ele descobriu o cubismo

Na verdade, foi o crítico de arte francês, Louis Vauxcelles, quem reparou no padrão das obras de Picasso, chamando as pinturas de cubismo. E em 1909, ele e o artista francês Georges Braque foram os fundadores desse movimento de arte. 

5. Acusado de roubar a Mona Lisa

Em 1911, quando a famosa pintura de Leonardo da Vinci foi roubada do Museu do Louvre, a polícia suspeitou do amigo de Picasso, o poeta Guillaume Apollinaire. O homem entregou o nome de Pablo para a polícia, indicando que ele havia sido o culpado. Picasso foi interrogado e os dois foram liberados da delegacia.


+Saiba mais sobre Pablo Picasso por meio das obras da Amazon:

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Picasso: Uma Introdução à Vida e Obra de Pablo Picasso, por Antony Mason e Helena Gomes Klimes (1998) - https://amzn.to/2UPMxyu

Picasso, por Gilles Plazy e Paulo Neves (2007) - https://amzn.to/3aRx46I

Pablo Picasso, por Mike Venezia (2015) - https://amzn.to/3aUWTCG

Pablo Picasso, José Maria F. Garcia Bermejo (1997) - https://amzn.to/2XhVCl9

Picasso: A Biography (English Edition) eBook Kindle, por Patrick O'Brian - https://amzn.to/3b5aWG9

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W