Matérias » Cinema

Ambiancé, o filme com um mês de duração que foi destruído por seu diretor

Ainda que tenha o título de filme mais longo da história, ele teve uma existência breve

Paola Orlovas, sob supervisão de Isabela Barreiros Publicado em 25/12/2021, às 08h00

Os personagens de "Ambiancé" (2020) na praia
Os personagens de "Ambiancé" (2020) na praia - Divulgação/Vimeo/Anders Weberg

Ao final de dezembro de 2020 era lançado o filme "Ambiancé", propositalmente o último longa do diretor e artista sueco Anders Weberg, que tomou, apenas brevemente, o título de filme mais longo do mundo

O longa-metragem contava com 30 dias, ou 720 horas de duração, e um trailer pouco comum de sete horas, onde uma pequena e emblemática parte da história poderia ser vista pelo espectador. 

"Ambiancé" foi concebido como um filme experimental, transmitido na virada de 2020 para 2021, feito por Weberg com um intuito único, de que só poderia ser visto uma vez.

Em preto e branco e transmitido simultaneamente em todos os continentes do mundo, o longa de Anders Weberg foi destruído 30 dias após a sua exibição, ou seja, seu fim, e apagado do YouTube, onde havia sido disponibilizado gratuitamente. As informações sobre o que aconteceu com o filme são do veículo britânico The Guardian.

No trailer de "Ambiancé", podíamos ver os personagens principais da trama de ficção: um deles representava a Vida, e outro que tomava o papel da Morte.

Os personagens de Weberg se encontram em uma praia, cenário fortemente inspirado por "O Sétimo Selo", filme feito por Ingmar Bergman, aclamado e famoso diretor sueco, lançado no ano de 1957.

A ideia do diretor para o filme não era baseada na quebra de recordes, mas sim em experimentar a narrativa fílmica de forma que assuntos presentes dentro de outras obras do artista, como o surreal, a memória e até mesmo os conceitos de espaço e tempo, pudessem ser subvertidos. 

Isso foi feito por meio da duração e da história do longa-metragem, que foram boladas pelo próprio Weberg, que voltava para o mundo do cinema com elas. 

Entre os outros filmes de Anders Weberg, que sente que o mundo digital facilitou a disseminação de suas criações, temos diversos títulos produzidos durante a década de 2010, alguns sendo longas, e outros curtas.

Todos, no entanto, contam com temáticas similares, abordando, de forma ou de outra, o nada, o insignificante e o efêmero, sempre de forma pensativa, dolorosa, e até um pouco perturbadora. 

Em frase que ficou gravada dentro de seu perfil na plataforma digital do serviço de streaming de filmes britânico Mubi, o diretor sueco relembrou do processo de produção de "Ambiancé", e o significado de sua criação para a sua carreira:

Este é meu último filme, então como posso dar um fim com estilo? É bem pessoal, e como eu fiz filmes longos antes, esse tem que ser bem especial. É também uma forma de recuperar meu foco e realmente me colocar dentro do processo de fazer um filme, que eu amo tanto, por uma última vez.”

Até a breve existência de "Ambiancé", um longa propositalmente perdido, uma vez que foi destruído por seu próprio criador,Anders Weberg, o filme mais longo do mundo era "The Longest Most Meaningless Movie in the World", de Vincent Patouillard,

O longa-metragem contava com 48 horas de duração, feito a partir de comerciais e outras produções, e teve seu lançamento na cidade britânica de Londres, no ano de 1968.


+Saiba mais sobre temas relacionados por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Hollywood: 131, de Charles Bukowski (1998) - https://amzn.to/2UXDWKe

Cenas de uma revolução: o nascimento da nova Hollywood, de Mark Harris (2011) - https://amzn.to/3c6gqAr

O pacto entre Hollywood e o nazismo: Como o cinema americano colaborou com a Alemanha de Hitler, de Ben Urwand (2019) - https://amzn.to/2ViwOqO

Hollywood Babylon: The Legendary Underground Classic of Hollywood's Darkest and Best Kept Secrets (Edição Inglês), de Kenneth Anger (1981) - https://amzn.to/2RurMWU

O livro do cinema, de Vários autores (2017) - https://amzn.to/2VeOS52

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W