Matérias » Brasil

Atentado da Rua Tonelero: o fracassado plano de matar Carlos Lacerda durante a Era Vargas

O crime foi orquestrado por Gregório Fortunato, o chefe de segurança e motorista do presidente Getúlio Vargas

Victória Gearini Publicado em 18/02/2021, às 21h48 - Atualizado às 23h21

Carlos Lacerda e Getúlio Vargas, respectivamente
Carlos Lacerda e Getúlio Vargas, respectivamente - Creative Commons

Ocorrido no dia 5 de agosto de 1954, o atentado da Rua Toledo foi uma tentativa de assassinato contra o principal opositor de Getúlio Vargas, o influente jornalista e político Carlos Lacerda. O fatídico episódio gerou, ainda, uma crise governamental durante o segundo mandato do até então presidente do Brasil. 

Os antecedentes

Em 1950, Getúlio Vargas foi eleito como o presidente do país, com 48,7% dos votos, derrotando seus adversários Eduardo Gomes — representante da UDN — e Cristiano Machado — candidato do PSD.

O segundo mandato de Vargas ficou conhecido como um dos momentos mais emblemáticos e conflituosos da história do Brasil. Na época, o país ficou dividido, devido às intensas questões sociais, econômicas e políticas que permearam os noticiários e a sociedade. 

Fotografia de Getúlio Vargas / Crédito: Wikimedia Commons

 

A União Democrática Nacional (UDN) era composta por políticos conservadores e por uma parcela do Exército Brasileiro. De acordo com o site Brasil Escola, este partido era declaradamente contra os discursos populistas de Vargas, sendo o principal opositor do governo. 

No âmbito econômico, o país enfrentava taxas alarmantes da inflação, motivo que afetou diretamente os trabalhadores. Além disso, houve um intenso debate sobre o desenvolvimento econômico, uma vez que discutia-se a abertura econômica do país para receber investimentos e capitais do exterior.

Carlos Lacerda, jornalista e político / Crédito: Wikimedia Commons

 

Além dos opositores do governo terem o apoio dos Estados Unidos, Vargas teve que enfrentar revoltas populares que se alastraram por todo país. Ainda mais, haviam constantes ameaças de um golpe militar, apoiado pela UDN e pela potência estadunidense. 

O crime 

Diante deste cenário conflituoso e crítico, Carlos Lacerda utilizou seu jornal Tribuna da Imprensa para confrontar o governo. Contudo, segundo investigações feitas na época pela Aeronáutica, Gregório Fortunato, chefe de segurança e motorista do presidente, teria planejado assassinar o jornalista.

Fortunato, portanto, contratou um pistoleiro para executar o crime, mas o tiro saiu pela culatra — literalmente. No dia 5 de agosto de 1954, o criminoso abordou Lacerda na Rua Tonelero, no Rio de Janeiro.

Fortunato em depoimento em 1954 / Crédito: Divulgação / Arquivo do Estado de São Paulo

 

Os tiros atingiram Rubens Vaz, resultando na morte do major da força aérea, que também era guarda-costas do jornalista. Lacerda, o verdadeiro alvo do atentado, por sua vez, sofreu apenas ferimentos leves.

Ainda de acordo com o site Brasil Escola, o atentado intensificou as crises no governo de Vargas. A partir deste episódio, a oposição começou a pressioná-lo para fazer o pedido de renúncia. No entanto, o desfecho da história resultou na morte de Vargas, que no dia 24 de agosto de 1954 tirou a própria vida.


+Saiba mais sobre a Era Vargas por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Getúlio 1 (1882-1930), de Lira Neto (2012) - https://amzn.to/2Z7jtF8

Getúlio 3 (1945-1954), de Lira Neto (2014) - https://amzn.to/362G5YI

Getúlio Vargas, de Boris Fausto (2006) - https://amzn.to/3fIXZ7o

Brasil: de Getúlio a Castello (1930-64), de Thomas E. Skidmore (2010) - https://amzn.to/35ZqPvS

Volta ao Poder. A Correspondência Entre Getúlio Vargas e a Filha Alzira, de Adelina Novaes e Cruz e Regina da Luz Moreira (2018) - https://amzn.to/2T4GFA2

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W