Matérias » Crimes

Busca pela fama e roubo em mansões de luxo: Bling Ring, a polêmica gangue de Hollywood

Formado por adolescentes de classe alta, grupo roubou mais de 3 milhões de dólares de celebridades

Joseane Pereira Publicado em 31/07/2020, às 12h15

Poster do filme Bling Ring: A Gangue de Hollywood (2013)
Poster do filme Bling Ring: A Gangue de Hollywood (2013) - Divulgação/A24 Films

Entre outubro de 2008 e agosto de 2009, um grupo de jovens abalou a atmosfera de Los Angeles, Califórnia. Era a curiosa gangue Bling Ring, obcecada por fama e por grifes de moda, que entrou para a história por assaltar as mansões de grandes celebridades, como Paris Hilton, Lindsay Lohan, Megan Fox e Orlando Bloom.

A gangue

Integrantes da gangue Bling Ring / Crédito: Divulgação

 

Os jovens da Bling Ring moravam no bairro de Calabasas, e oscilavam entre as idades de 18 e 19 anos. O local onde moravam era parte de um circuito nobre, ligado a Beverly Hills e Hollywood: lá, viviam figuras como Britney Spears e Will Smith. Estudando no renomado colégio de Indian Hills, o grupo de jovens mimados tinha um só desejo: adquirir as joias e roupas de grife das celebridades que eles viam nas revistas.

A jovem Rachel Lee, que morava com sua mãe, era a líder do grupo. Obcecada por reality shows, ela começou sua vida no crime roubando 85 dólares em mercadoria da conceituada loja de cosméticos Sephora.

O grupo também era composto por Alexis Neiers, o tímido Nick Prugo, a jovem de classe média Diana Tamayo e Courtney Ames - todos colegas de escola pertencentes à camada nobre da sociedade. Quando os roubos ficaram mais pesados, eles integraram ao grupo o ex-condenado Johnny Ajar e o segurança Roy Lopez Jr., ambos com 27 anos.

Roubando por diversão

No início, as estratégias de roubo (ou ir às compras, como eles diziam) eram vistas pelos jovens como uma espécie de diversão, onde eles poderiam se apropriar de roupas e joias que não iriam fazer falta aos famosos. A gangue monitorava as redes sociais de seus ídolos e analisava sites de fofocas, para descobrir o período exato em que eles não estariam em casa.

Casa de Paris Hilton em Beverly Hills / Crédito: Divulgação

 

No total, as atividades em Hollywood resultaram no roubo de 3 milhões de dólares em dinheiro e pertences. Embora mais de cinquenta casas tenham sido alvo dos ataques, a maioria deles se deu nas propriedades de Paris Hilton que, segundo o grupo, deixava a casa frequentemente aberta e parecia não dar pela falta dos itens ou dinheiro roubados.

Em depoimento posterior, Nick Prugo afirma que ele e Rachel Lee se perguntaram: "Quem deixaria uma porta destrancada? Quem deixaria muito dinheiro por aí?", e escolheram Hilton porque achavam que ela era “burra o suficiente” para isso. Se dirigindo à sua mansão, os jovens encontraram a chave debaixo do tapete – mas não precisaram usar, pois a porta estava realmente aberta.

Após ter sido identificado por câmeras enquanto roubava a residência de Lindsay Lohan, Nick Prugo foi detido por policiais. Inicialmente negando envolvimento, ele acabou confessando que estava perdendo seus cabelos e não conseguia comer, dormir e nem respirar normalmente, devido à culpa pelo envolvimento nos crimes.

Prugo confessou tudo, relatando cada um dos envolvidos e os planos de assalto futuros, que incluíam as casas de Miley Cyrus, Zac Efron, Hilary Duff e Vanessa Hudgens. Os membros da Bling Ring receberam de 2 a 3 anos de prisão, e alguns cumpriram sua pena em liberdade condicional.


Saiba mais sobre o tema através das obras abaixo:

Como a geração sexo drogas e rock n roll salvou Hollywood, de Peter Biskind - https://amzn.to/36tWANF

Hollywood Babylon: The Legendary Underground Classic of Hollywood's Darkest and Best Kept Secrets, de Kenneth Anger - https://amzn.to/2PzVDNs

Bling Ring. A Gangue de Hollywood, de Nancy Jo Sales - https://amzn.to/2WziytV

Tragic Hollywood, Beautiful, Glamorous And Dead, de Jackie Ganiy - https://amzn.to/336Vm8P

Os Mais Famosos Atores de Hollywood: 1940 a 1960de Americo Luis Martins da Silva - https://amzn.to/2r4cTQT

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du