Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Matérias / Entretenimento

Como morreu o personagem Levi na versão de 'Pantanal' de 1990?

O personagem revolta espectadores no remake, mas teve fim trágico na primeira transmissão da Rede Manchete

Wallacy Ferrari Publicado em 13/06/2022, às 18h17

Levi nas duas versões de 'Pantanal' - Divulgação / Bloch / TV Globo
Levi nas duas versões de 'Pantanal' - Divulgação / Bloch / TV Globo

O remake de 'Pantanal' vem ganhando o público em sua nova versão, inteiramente repaginada e exibida na faixa de novelas das 21h pela TV Globo — mas sem realizar intervenções no texto original da primeira transmissão da Rede Manchete em 1990, criado porBenedito Ruy Barbosa.

Dessa maneira, Bruno Luperi, neto do autor e responsável pela adaptação, segue a risca os principais pontos da primeira versão da trama, repetindo diversas passagens marcantes da primeira fase, como a morte de Gil e Maria Marruá, e angariando ainda mais espectadores na segunda fase, com o romance de Juma e Jove. 

Contudo, um outro triângulo amoroso rende fervorosos comentários nas redes sociais ao tratar da libertação de um relacionamento tóxico; a ardente paixão de Maria Bruaca por Alcides, mesmo casada com o chucro Tenório, resultou em diversos memes e discussões enérgicas sobre quem estaria com a razão.

Um peão a mais

O clima esquentou ainda mais com a chegada de um terceiro rapaz, beirando um conturbado quadrilátero amoroso; Leandro Lima, que dá vida ao peão Levi, já chama atenção pelo comportamento violento contra as mulheres pantaneiras na trama, sendo alvo de outro chucro.

Ao tentar agarrar a personagem Maria Bruaca, venerada na pele de Isabel Teixeira, ele desperta a raiva do marido Tenório, interpretado por Murilo Benício. Ao tomar ciência da situação, ele ordena que Alcides, personagem de Juliano Cazarré, mate o homem em troca de uma generosa recompensa.

Leandro Lima caracterizado em 'Pantanal' / Crédito: Divulgação / TV Globo

No roteiro original, o peão até busca o rapaz, mas quem o atinge é Tibério, interpretado por Guito Show, em um momento que defende Muda, personagem de Bella Campos, de um abuso sexual forçado.

Ao levar um tiro, cai em um comentado rio da região, conhecido pela presença massiva de piranhas, que o atacam violentamente até o óbito. Resta saber se a marcante morte será retratada com fidelidade na nova versão.