Matérias » Família Real Britânica

Da irmã de Diana a Camilla: a movimentada vida íntima do Príncipe Charles

O filho mais velho da Rainha Elizabeth II manteve diversos envolvimentos amorosos durante a juventude. Confira!

Penélope Coelho Publicado em 17/11/2020, às 16h48

Respectivamente Camilla, príncipe Charles e Lady Di
Respectivamente Camilla, príncipe Charles e Lady Di - Wikimedia Commons

Se durante sua infância e adolescência, o primogênito da rainha Elizabeth II sofreu bullying na época em que estudou no colégio Gordonstoun, na fase adulta o príncipe Charles virou de uma vez por todas essa página.

Conhecido como um dos solteiros mais cobiçados durante a década de 1970, o príncipe de Gales teve diversos casos amorosos, acredita-se que o homem tenha namorado mais de 20 mulheres no período de uma década.

A série documental, The Royal House of Windsor (2017), produzida pela plataforma de streaming Netflix, revela que Charles passou a se abrir para os interesses amorosos através de uma carta escrita por seu tio, Lord Louis Mountbatten.

Na correspondência escrita no início dos anos 1970, Mountbatten encorajava o príncipe a curtir sua vida de solteiro enquanto não encontrava uma esposa. A partir desse momento, Charles conheceu diversas mulheres, se apaixonou intensamente por algumas, mas, também apenas viveu o momento com outras.

Contudo, na época, o homem já tinha 30 anos de idade e a família real se preocupava com a linha de sucessão ao trono. A monarquia queria que o príncipe encontrasse sua ‘parceira adequada, o que aconteceu quando o caminho de Charles cruzou com o de Diana Spencer.

As namoradas do príncipe

Princesa Diana e Camilla durante uma corrida de cavalos / Crédito: Getty Images

 

Acredita-se que uma das primeiras namoradas de Charles tenha sido Lucia Santa Cruz, conhecida como filha do ex-embaixador do Chile em Londres. Eles se conheceram em 1967, durante um jantar oferecido por um amigo em comum.

Lucia era cinco anos mais velha que Charles. Apesar de o relacionamento não ter durado, fontes reais afirmam que o casal foi verdadeiramente apaixonado. Cruz teve inclusive um papel crucial na vida do príncipe: foi ela quem o apresentou a Camilla Shand (posteriormente Parker-Bowles), peça chave na história do filho da rainha. 

Logo após Santa Cruz, Charles se envolveu amorosamente com Camilla, em 1972. A conexão entre eles foi instantânea, mas, a mulher não agradava a família real por não cumprir os padrões adequados para se tornar esposa do príncipe. O casal se separou após Charles ser mandado para a Marinha e Camilla se casar com Andrew Parker-Bowles. Mas, a história dos dois jamais teve um fim.

Longe de Camilla, Charles namorou Lady Jane Wellesley entre 1973 e 1974. Na época, a mulher foi considerada uma forte candidata ao casamento, entretanto, o relacionamento acabou após uma intensa exposição na mídia.

Depois desse romance, o príncipe de Gales namorou Davina Sheffield — neta do primeiro Lorde McGowan—, em 1976. Contudo, já no ano seguinte engatou um namoro com outra pessoa que viria a ser essencial em sua história: Lady Sarah Spencer, irmã mais velha de Diana. Foi ela quem apresentou Charles para a futura esposa.

Lady Sarah McCorquodale, em 2004 / Crédito: Getty Images

 

Entretanto, antes de se relacionar amorosamente com Lady Di, o primogênito da rainha da Inglaterra, ainda namorou Anna Wallace — filha de um dono de terras da Escócia —, em 1980.

De acordo com o livro Duchess of Cornwall: Camilla Story and Secrets, Charles já estava desesperado com a pressão de encontrar uma esposa, por isso, pediu Anna em casamento. Acontece que a mulher rompeu o romance após ter sido ignorada a noite toda pelo namorado, durante a festa de aniversário de 80 anos da Rainha-Mãe.

Diana

No mesmo ano em que se relacionou com Anna, o Príncipe Charles voltou a ter contato com Diana. Logo, a família do príncipe viu naquela jovem loira de olhos azuis, o potencial para um casamento — o que aconteceu em 29 de julho de 1981.

Entretanto, o relacionamento não foi um conto de fadas e o casal se divorciou em 9 de dezembro de 1996, após traições e polêmicas. Durante o período em que Charles esteve casado com Lady Di, ele manteve relações extraconjugais com sua ex-namorada de 1972, CamillaParker-Bowles.

Depois de anos desde a morte da princesa de Gales, em 1997, Charles e Camilla assumiram de vez o relacionamento e se casaram em 9 de abril de 2005, permanecendo juntos até hoje.


+Saiba mais sobre a família real britânica por meio das obras disponíveis na Amazon:

The Queen: The Life and Times of Elizabeth II (Edição Inglês), de Catherine Ryan (2018) - https://amzn.to/2RhgNA7

A Brief History of the Private Life of Elizabeth II, Michael Paterson (2012) - https://amzn.to/394Qjsq

God save the queen - O imaginário da realeza britânica na mídia, de Almeida Vieira e Silva Renato (2015) - https://amzn.to/2xTkiGd

Diana. O Último Amor de Uma Princesa, de Kate Snell (2013) - https://amzn.to/2TgHgPO

Vitória, a rainha: Biografia íntima da mulher que comandou um Império, Julia Baird (2018) - https://amzn.to/2T9uEuc

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7