Matérias » Crimes

Da morte do amante aos dias infernais na prisão: a transtornada história de Paula Angel

Após matar seu amante, a jovem pagou caro por seus atos e foi morta publicamente, em meados do século 19

Penélope Coelho Publicado em 11/07/2020, às 10h00

Única fotografia de Paula Angel
Única fotografia de Paula Angel - Wikimedia Commons

Paula Angel foi uma jovem de origem mexicana, que nasceu provavelmente no ano de 1842. Sua história se tornou popular no estado do Novo México, após a garota tirar a vida de seu amante. Pouco se sabe sobre a breve trajetória da menina, antes de seu fim.

No entanto, é de conhecimento público que Angel foi à única mulher que sofreu legalmente a pena de enforcamento no Novo México, desde a incorporação dessa região nos Estados Unidos.

Estima-se que Paula ainda era uma adolescente quando iniciou uma relação amorosa com um homem casado, o sujeito em questão chamava-se Miguel Martin e tinha cinco filhos.

Certa vez, Martin demonstrou para Paula sua vontade de terminar o caso que eles mantinham. A mulher nunca acatou a decisão do amante e decidiu se vingar do homem. Para isso, Angel chamou o ex-namorado para conversar, afirmando que aquela seria a última vez que pediria isso.

A jovem atraiu Miguel para uma região afastada e quando percebeu que ele estava distraído o atacou com facadas nas costas. O tempo todo, a garota estava escondendo a arma do crime em seu xale.

Consequências de um crime

Em março de 1861, alguns dias depois de ter matado seu amante, Paula foi presa e acusada de assassinato em primeiro grau. Na ocasião, Angel se declarou inocente, alegando que sua ação teria sido de um crime passional motivado pelo amor — e que não teria premeditado o crime.

Entretanto, as tentativas de escapar das consequências que estavam por vir foram em vão. O juiz Kirby Benedict, responsável pelo caso, declarou a ré como culpada e sua pena seria irreversível: morte por enforcamento.

Angel tentou apelar à decisão para a Suprema Corte do Novo México, contudo, seu pedido foi negado. No período em que ficou presa esperando sua execução, Paula viveu momentos amedrontadores.

A mulher era constantemente provocada pelo carcereiro da cadeia em que fora colocada. De acordo com o site New Mexico History, o homem passava na cela de Angel dizendo frases do tipo: “Eu vou enforcar você”, ou, “Você tem apenas alguns dias de vida”.

Os momentos finais

Paula foi levada para a execução na manhã de 26 de abril de 1861. Uma multidão de curiosos se reuniu no local, só se falava disso na época. Na ocasião não havia nenhuma forca propriamente dita, como consequência, Angel acabou sendo amarrada em uma árvore de algodão, típica daquela região do Novo México.

Árvore conhecida como choupo de Frémont popular na região do sudoeste dos Estados Unidos / Crédito: Wikimedia Commons

 

Na primeira tentativa de enforcamento, a mulher não tinha sido bem amarrada e tentou fugir. Algumas pessoas que estavam no local queriam ajudar a jovem — o que gerou uma breve confusão local. Entretanto, Angel não conseguiu escapar na segunda tentativa e foi executada aos 19 anos.

Depois que muitos anos se passaram, a história da garota passou a não ser tão conhecida. Tudo mudou no ano de 1961, quando uma matéria que comentava sobre o centenário de sua morte foi publicada no periódico The New Mexican.

A reportagem fez com que os acontecimentos da vida de Angel voltassem à tona. Alguns anos depois, o caso foi representado pela série de televisão norte-americana, Deadly Women.


+Saiba mais sobre crimes por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Serial Killers - Anatomia do Mal: Entre na mente dos psicopatas, de Harold Schrechter (2019) - https://amzn.to/39YVlGK

De frente com o serial killer, de Mark Olshaker e John E. Douglas (2019) - https://amzn.to/2UX47R4

Lady Killers: As mulheres mais letais da história, de Tori Telfer (2019) - https://amzn.to/3c7BoPb

Mindhunter: O Primeiro Caçador de Serial Killers, de John Douglas e Olshaker Mark (2017) - https://amzn.to/2xccb7L

Ted Bundy: Um Estranho ao Meu Lado, de Ann Rule (2019) - https://amzn.to/3cauuc9

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W