Matérias » Índia

Dada como desaparecida em 2010, indiana esteve o tempo todo na casa do namorado

A jovem que havia desaparecido em 2010, foi encontrada morando escondida na casa do namorado, em um caso surpreendente

Penélope Coelho Publicado em 15/06/2021, às 15h36

Alinchuvattil e Sajitha após a jovem deixar o esconderijo
Alinchuvattil e Sajitha após a jovem deixar o esconderijo - Divulgação Manorama News

Na última sexta-feira, 11, o portal de notícias UOL, trouxe à tona um caso que vem chamando a atenção em território indiano.

Trata-se da história de uma jovem chamada Sajitha, que desapareceu em 2010 e, recentemente, teve seu paradeiro descoberto. O caso revela uma história no mínimo peculiar. 

A decisão que mudou tudo 

De acordo com informações do Daily Star, a indiana nasceu na aldeia de Aylur, em Palakkad, a moça desapareceu aos 18 anos, em fevereiro de 2010, quando não retornou para a casa de seus pais.

Na época, Sajitha namorava Alinchuvattil Rahman, contudo, o casal foi proibido de continuar o relacionamento, já que eram de religiões diferentes.

Tentando encontrar uma maneira de permanecerem juntos, eles tomaram a decisão de que a garota iria morar escondida na casa do rapaz, só não esperavam que fosse por tanto tempo.

De acordo com a reportagem, na época, os pais de Sajitha registraram um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento da filha, que só foi encontrada depois de uma década.

Vivendo escondida 

Recentemente, a mídia indiana revelou que a jovem vivia no quarto de seu namorado, ambos mantinham um esquema para que os pais de Rahman não descobrissem a ‘visita’ inesperada.

Segundo revelado na publicação, a jovem passou todos esses anos morando em um cômodo e sobrevivia sendo alimentada pelo namorado. No quarto, a mulher tinha acesso somente a uma televisão e fones de ouvido, para não fazer barulho.

Alinchuvattil teria adaptado a janela de seu quarto para que a namorada pudesse escapar rapidamente para usar o banheiro. De acordo com o rapaz, quando não havia ninguém na residência e no período da noite, a jovem andava livremente.

Além disso, seus parentes revelam que o indiano se tornava paranoico e tinha um comportamento violento se alguém tentava entrar em seu quarto, que estava sempre trancado.

Após inúmeras tentativas e a mesma reação, sua família desistiu e passou a acreditar que o jovem sofria de depressão. Em entrevista ao jornal The New Indian Express, o indiano deu detalhes sobre como conseguiu manter a namorada escondida.

“Eu desenvolvi uma fechadura automática para o meu quarto. Sajitha ia ao banheiro, que ficava do lado de fora, depois de remover as tábuas da janela à noite ou quando meus pais estavam fora”, afirmou Rahman.

Motivações 

O homem conta que é apaixonado por sua companheira, que pretendia se casar com ela e sair da casa dos pais, contudo, por questões financeiras o processo foi adiado. De acordo com o The New Indian Express, recentemente, o indiano tomou a decisão de dar um fim a essa mentira.

Em decorrência do aumento de casos de Covid na Índia, Alinchuvattil viu seus pais enfrentarem dificuldades e a comida passou a ficar escassa. Por isso, não conseguia mais separar alimentos para a namorada.

Além disso, seus familiares queriam arranjar uma esposa para ele, Rahman notou que era a hora de fugir com a companheira para outro vilarejo.

Deepa Kumar, o oficial da polícia de Nenmara que investiga o ocorrido, informou que apesar de inusitado, o caso é real:

"A história deles parece incomum, mas levamos o casal à casa de Alinchuvattil e eles nos contaram como Sajitha viveu secretamente em um único quarto por todos esses anos". De acordo com a reportagem, depois de ser encontrada, a indiana continua vivendo com seu amado, contudo, dessa vez está livre.


+ Saiba mais sobre o tema por meio das obras disponíveis na Amazon:

Libertada, de Michelle Knight e Michelle Burford (2014) - https://amzn.to/37g8TNs

Kidnapped: The Tragic Life of J. Paul Getty III, de Charles Fox (2018) - https://amzn.to/36dvuJ5

3096 dias, de Natasha Kampusch (2010) - https://amzn.to/30N5vXR

O caso Pedrinho: A emocionante história dos pais em busca do filho desaparecido por dezesseis anos e os bastidores da investigação policial e da cobertura jornalística, Renato Alves (2014) - https://amzn.to/2tKouFU

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W