Matérias » Arqueologia

De aparência as roupas: 5 curiosidades sobre as múmias de Tarim

A descoberta de 113 múmias de aparência caucasiana em um deserto na China há anos intriga pesquisadores

Redação Publicado em 09/10/2021, às 09h00

Uma das múmias encontradas na China
Uma das múmias encontradas na China - Divulgação / vídeo / Youtube / Omare

Durante muito tempo se acreditou que as populações da China e da Roma Antiga não mantinham grande proximidade entre si.

No entanto, a descoberta de 113 múmias caucasianas na região da bacia do Tarim, pertencentes a pessoas que viveram entre 4000 e 2000 anos atrás, levou especialistas a questionarem a afirmação.

Relembrando a descoberta, o site Aventuras na História separou cinco curiosidades sobre as impressionantes múmias encontradas.

1. Aparência

Assim como os caucasianos, os corpos encontrados possuem corpos alongados, narizes compridos e olhos fundos. Muitos deles ainda apresentam cabelos em tons de ruivo, de modo que não são nem um pouco semelhantes aos chineses conhecidos nos dias de hoje.

Múmia caucasiana encontrada / Crédito: Divulgação / vídeo / Youtube / Omare

2. Vestimentas

As roupas com as quais o antigo povo se protegia também foram encontradas em ótimo estado de conservação, tanto que é possível notar muitas semelhanças entre elas e as confeccionadas na Europa no período neolítico.

Múmia de uma mulher / Crédito: Divulgação / vídeo / Youtube / Omare

3. Ambiente favorável

De acordo com historiadores, por mais que o local em que os corpos foram encontrados já fosse árido antigamente, no passado era possível realizar plantio e também a criação de animais, uma vez que havia um número bem maior de cursos d'água e árvores na região.

Os pesquisadores levantaram a teoria de que a população em questão foi diminuindo justamente em razão do desaparecimento dos rios e consequente avanço dos desertos.


4. Invenção da roda?

Durante muito tempo se convencionou que a invenção da roda foi promovida pelos chineses. No entanto, como junto às múmias foram encontrados carrinhos com rodas, os pesquisadores agora se depararam com a possibilidade de que se trata, na verdade, de uma invenção caucasiana e que acabou sido introduzida na China com o tempo. Isso, contudo, não fora confirmado.

Múmia encntrada na China / Crédito: Divulgação / vídeo / Youtube / Omare

5. Origem

Estudos genéticos recentes indicaram que as múmias possuem relação com as populações mais a oeste, de modo que podem ter origem romana ou com qualquer outra população indo-europeia. 

O SoCientífica ressalta que a região da atual província de Xinjiang foi colonizada por povos de língua indo-europeia durante a ascensão do Império Han. Assim, a partir da miscigenação, foram surgindo populações de aparência mais semelhante à caucasiana com o passar do tempo enquanto outras possuíam mais traços orientais.


+Saiba mais sobre o tema através das obras abaixo

Arqueologia, Pedro Paulo Funari (2003) - https://amzn.to/2t9EZeX

Mistérios da arqueologia e da história: Um guia para o lado oculto da ciência, Preston Peet (2015) - https://amzn.to/2QKRqXH

Uma breve história da arqueologia, Brian Fagan (2019) - https://amzn.to/2tLZFcY

Descobrindo a arqueologia: o que os mortos podem nos contar sobre a vida?, Alecsandra Fernandes (2014) - https://amzn.to/3b378FC

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W