Matérias » Personagem

De grande atleta a socialite: conheça a história de Caitlyn Jenner

Desde que se assumiu transgênero, em 2015, Caitlyn Jenner é um importante símbolo da luta contra o preconceito

Giovanna Gomes Publicado em 19/11/2020, às 12h13

Caitlyn Jenner
Caitlyn Jenner - Getty Images

Membro da famosa família de socialites  Jenner/Kardashian, CaitlynJenner se tornou muito conhecida ao participar do reality show Keeping up With the Kardashians, programa que foca na vida pessoal e profissional das famosas. A partir do ano de 2015, Caitlyn se revelou transgênero, o que gerou um grande conflito na família. Pai de Kylie e Kendall Jenner, seu nome era Bruce Jenner antes da transição.

Juventude como atleta

Quando jovem, Caitlyn, que ainda se identificava como Bruce, se destacava nos esportes. Seu treinador de atletismo, à época da faculdade, viu seu talento para o decatlo, modalidade na qual estreou no ano de 1970. Jenner era tão boa que competiu nos Jogos Olímpicos de Verão de 1972, no qual ficou em quinto lugar.

Caitlyn - Getty Images

 

Dois anos depois, venceu o torneio nacional e, em 1975, conquistou o primeiro lugar nos Jogos Pan-Americanos, além de um recorde mundial nas eliminatórias americanas para as Olimpíadas. Em 1976, conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Verão, sendo aclamada pelos americanos como "o maior atleta do mundo".

Transição

No ano de 2015, Esther, a mãe da socialite, confirmou em público que Jenner estava em processo de transição para o gênero feminino, uma vez que se identificava como uma mulher. Contudo, a ex-atleta pediu ao público que fosse tratada como 'Bruce' até o término do processo.

Após as declarações, Jenner realizou uma cirurgia de feminização facial e colocou implantes mamários. Quase dois anos depois de anunciar a mudança, Caitlyn se submeteu a uma cirurgia de redesignação sexual.

Caitlyn com membros da família - Getty Images

 

"A cirurgia foi um sucesso e me sinto não só maravilhosa, mas liberada”, escreveu ela em The Secrets of My Life. No mesmo livro, a socialite afirma que sua ex-esposa Kris Jenner, quis suprimir quem ela era de verdade. Jenner teve duas filhas com Kris: Kylie e Kendall, além de mais quatro filhos de dois casamentos anteriores.

Ela afirmou que decidiu tornar pública sua cirurgia para que as pessoas deixassem de olhá-la fixamente. "Vocês querem saber, agora já sabem. É por isso que esta é a primeira vez e a última que vou falar dela”, disse ela segundo o Radar

Homenagem

Em 2015, Jenner recebeu um prêmio anual organizado pela rede ESPN, o Arthur Ashe, o quel é entregue a importantes atletas. Ela foi homenageada por sua coragem ao se revelar transgênero e realizou um importante discurso sobre o tema durante a cerimônia. 

“Até alguns meses atrás eu nunca tinha conhecido uma pessoa transexual, não conhecia ninguém como eu. Nunca. Sempre enfrentei minha situação sozinha. Mas consegui transformar esta viagem em uma coisa incrivelmente educativa. Ela me abriu os olhos. Me inspirou, mas também me deu medo", disse ela.

Caitlyn durante o discurso - Getty Images


"Neste país, e em todo o mundo, neste exato momento, há pessoas jovens que tentam aceitar sua transexualidade. Estão descobrindo que são diferentes. E estão tentando descobrir como lidar com isso. Além de todos esses problemas, essas pessoas estão sendo assediadas. Estão sendo atacadas. Estão sendo assassinadas. E estão se suicidando", prosseguiu.

No entanto, apesar de tantos prolemas enfrentados, Cailyn tem total consciênca da importância de seu papel na transformação da sociedade. "Tenho consciência de minha responsabilidade de contar minha história corretamente, de continuar a aprender, de fazer tudo o que estiver ao meu alcance para mudar o modo como os transexuais são vistos e tratados."


+Saiba mais sobre o tema através de grandes obras disponíveis na Amazon

Magnus Hirschfeld and the Quest for Sexual Freedom, de E. Mancini (2013) - https://amzn.to/2W1GSq8

Transexualidade, de Marco Antonio Coutinho Jorge e Natalia Pereira Travassos (2018) - https://amzn.to/2Q52opZ

A Transexualidade Sob a Ótica dos Direitos Humanos, de Inajara Piedade da Silva (2017) - https://amzn.to/2TVfJlV

O que é transexualidade, de Berenice Bento (eBook) (2017) - https://amzn.to/2wMLCoK

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W