Matérias » Reino Unido

Edward VIII abdicou o trono por Wallis Simpson. Ela, por sua vez, não o amava

Causando uma das maiores crises britânicas na história, a Duquesa de Windsor era supostamente apaixonada por um amigo próximo do casal

Daniela Bazi Publicado em 13/01/2020, às 16h48

Edward VIII e Wallis Simpson se tornaram o Duque e a Duquesa de Windsor
Edward VIII e Wallis Simpson se tornaram o Duque e a Duquesa de Windsor - Getty Images

No dia 11 de dezembro de 1936, apenas 11 meses após a morte de seu pai, Edward VIII abdicou do trono inglês, para poder se casar com Wallis Simpson, uma socialite americana duas vezes divorciada, causando uma das maiores crises institucionais já enfrentadas pela monarquia britânica na história.

Entretanto, de acordo com o biógrafo Andrew Morton na biografia That Woman: The Life of Wallis Simpson, Duchess of Windsor sobre a Duquesa de Windsor, o sentimento do ex-monarca não era correspondido por Wallis. Simpson, na verdade, estaria apaixonada por um segundo homem.

O homem se chamava Herman Rogers, e era um americano formado pela Universidade de Yale, dono de uma grande fortuna. Ele se aproximou de Edward e Wallis durante o exílio do casal na França, e acabou tornando-se um grande amigo.

Herman Rogers, à esquerda, foi quem levou Wallis ao altar no dia de seu casamento com Edward VIII / Créditos: Getty Images

 

Durante esse período, Rogers virou um grande confidente de Simpson, que lhe contava constantemente, sempre na presença da esposa do homem, Katherine, sobre suas frustrações relacionadas à saída forçada do casal da Inglaterra, e sobre como a corte britânica lhe negou o título de Sua Alteza Real.

Após a morte de Katherine, ocasionada por um câncer na garganta, Wallis viu uma chance de se tornar mais próxima do homem que realmente amava. Entretanto, uma mulher chamada Lucy Wann também se interessou por Herman, o que atrapalhou os planos da duquesa. De acordo com Kitty Blair, nora de Lucy, “As duas queriam Herman e se tornaram ferozes opositoras”.

Edward VIII e Wallis Simpson com Katherine Rogers, esposa de Herman / Créditos: Getty Images

 

Contudo, Herman acabou pedindo Lucy em casamento e, ao saber da notícia, Wallis o enviou um telegrama dizendo “Não faça nada até meu regresso”, assinando a correspondência como “teu anjo da guarda”.

No dia da cerimônia, Simpson e Edward foram os últimos a chegar, entrando na festa após todos os convidados já terem ido embora. O casal presenteou o noivo, que ainda era um querido amigo, com uma bandeja de prata que continha o anagrama dos Windsor. Já a noiva, recebeu uma bolsa de palha, definida por ela mesma como um típico presente para uma criada.

Segundo Kitty Blair, durante uma conversa com Lucy, a Duquesa de Windsor a ameaçou dizendo “Te responsabilizo pelo que possa acontecer a Herman. É o único homem que amei de verdade”. Enquanto isso Wann, teria apenas respondido “Você conseguiu o seu rei, mas eu consegui Herman”.


+Saiba mais sobre Edward VIII e Wallis Simpson com as obras abaixo:

That Woman: The Life of Wallis Simpson, Duchess of Windsor, Andrew Morton (2011) - https://amzn.to/36PHHF7

King Edward VIII (English Edition), Philip Ziegler (2012) - https://amzn.to/39XUw21

The King Who Had To Go: Edward VIII, Mrs Simpson and the Hidden Politics of the Abdication Crisis, Adrian Phillips (2016) - https://amzn.to/35GR60f

17 Carnations: The Royals, the Nazis, and the Biggest Cover-Up in History, Andrew Morton (2015) - https://amzn.to/2FIc9VA

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.