Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Matérias / Entretenimento

Em 2021, ator que fez 'Cabeção' mentiu sobre passagem em clínica de reabilitação

Sérgio Hondjakoff chamou atenção nesta terça-feira, 7, após gravar vídeo ameaçando o pai em troca de dinheiro para drogas

Redação Publicado em 07/06/2022, às 17h30 - Atualizado às 17h38

Montagem de Sérgio na época de 'Malhação' e após incidente de clínica - Divulgação / Redes sociais / TV Globo
Montagem de Sérgio na época de 'Malhação' e após incidente de clínica - Divulgação / Redes sociais / TV Globo

O ator Sérgio Hondjakoff, que interpretou o personagem “Cabeção” na novela “Malhação”, chamou atenção de internautas durante a última segunda-feira, 6, por publicar um vídeo ameaçando matar o próprio pai caso não recebesse dinheiro, sendo amplamente compartilhado no dia seguinte.

No vídeo, o ator chama atenção por manifestar uma crise de abstinência e, durante sua explicação, pedir para que o presidente Jair Bolsonaro e seus seguidores mobilizem a Polícia Federal para que ele seja preso ao invés de ser internado em uma clínica de reabilitação. "Minha família quer me internar em um lugar que só tem gente se escondendo da cadeira. [...] Eu não quero ficar em clínica, eu prefiro ser preso!"

Contudo, em agosto do ano passado, ele negou sua entrada em um centro de reabilitação após ser classificado como uma das vítimas de um boletim de ocorrência de cárcere privado contra uma clínica de tratamento contra dependência química na cidade de Pindamonhangaba, no interior de São Paulo.

Em reabilitação

Na época, o portal G1 levantou a possibilidade de que Sérgio teria sido um dos 46 pacientes resgatados após denúncias anônimas de maus-tratos com quartos trancados por fora. O local foi fechado pelo Ministério Público após uma ação da polícia

Os donos da clínica de reabilitação, por sua vez, foram acusados de sequestro. Outra irregularidade também encontrada pela polícia no local foi ainda o fato de existirem medicamentos vendidos sob prescrição médica na instituição, mesmo que os funcionários não fossem qualificados para prescreverem as drogas. 

O ex-ator da Globo, contudo, negou envolvimento com o caso em sua conta do Instagram:

“Estou aqui para desmentir mais um boato que saiu na internet a meu respeito (...). Eu tô aqui com a minha mãe em Resende, tô curtindo aqui as férias de inverno” , afirmou Hondjakoff na gravação. 

A verdade

No entanto, a verdade veio depois. Em áudio enviado ao portal de notícias UOL o ator disse que mentiu quando negou que estava no local. Sérgio disse que mentiu para proteger o filho, que acabaria encontrando o episódio na internet no futuro.

"Fui internado porque foi preciso e menti para preservar a minha família e principalmente o meu filho, que só tem um ano de idade". Tudo o que está nas redes, na internet, fica lá para sempre, e menti porque não queria que meu filho tomasse conhecimento um dia desse fato, depois de ele já ter nascido. Peço que entendam a minha situação e me perdoem", disse ele. 

Ele também disse no áudio que se envergonhava e pediu desculpas pelo episódio. 

"É com muita vergonha que venho através desse áudio pedir mil desculpas às pessoas que gostam de mim e às que não gostam. Enfim, às pessoas em geral. Quero pedir desculpa por ter gravado um vídeo ontem mentindo sobre a minha internação", afirmou o ator.