Matérias » Personagem

Neste dia, em 1996, Tupac Shakur era atingido por quatro tiros

Morrendo seis dias depois, Shakur entrou para a história como um dos maiores nomes do rap

Vinícius Buono Publicado em 13/09/2020, às 00h00

Tupac Shakur na capa do álbum All Eyez On Me
Tupac Shakur na capa do álbum All Eyez On Me - Divulgação

O atentado que tirou a vida do famoso rapper americano Tupac Shakur ocorreu há exatos 23 anos, em 1996, na cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos.

Shakur era um dos maiores expoentes do hip hop na década de 1990, sendo um dos grandes responsáveis pelo crescimento exponencial do rap na época. Diferente do Gangsta Rap, muito em voga então e que cantava sobre dinheiro, mulheres e drogas, Shakur introduziu questões sociais em suas músicas.

Na lendária rivalidade entre as costas Leste e Oeste nos EUA, ele foi um dos personagens centrais do lado de Los Angeles e da Death Row Records, gravadora fundada por Suge Knight e Dr. Dre.

Depois de ser preso por abusar sexualmente uma mulher, o cantor teve a sua fiança paga por Knight e se envolveu pesadamente na disputa entre as duas facções, lançando músicas que ofendiam diretamente a outros rappers do lado leste como Sean Combs e Notorious B.I.G.

No dia 7 de setembro de 1996, ele e alguns amigos e associados saíam de uma luta de Mike Tyson em Las Vegas e se envolveram numa briga com Orlando Anderson, um homem pertencente a uma gangue rival de Los Angeles. Horas mais tarde, Shakur estava no carro com Knight e, ao pararem no farol, um Cadillac branco emparelhou e abriu fogo contra o veículo, atingindo o rapper quatro vezes.

Shakur foi levado ao hospital e tratado dos ferimentos, mas não resistiu e morreu seis dias depois.

As investigações logo foram abandonadas pela polícia de Las Vegas, com alegações de falta de testemunhas, o que levou ao surgimento de muitas teorias da conspiração por parte dos fãs, envolvendo desde Combs e B.I.G até o próprio FBI ou a CIA. Anderson, considerado um dos principais suspeitos, morreu num tiroteio entre gangues pouco tempo depois.

A disputa entre Costa Leste e Costa Oeste no rap foi encerrada pouco tempo depois, quando Notorious B.I.G também foi assassinado a tiros em Los Angeles.