Matérias » Personagem

Henrique VIII: 5 fatos sobre a vida do pior monarca da Inglaterra

Pertencente à casa do Tudor, o monarca tinha hábitos peculiares que intrigam historiadores até hoje

Alana Sousa Publicado em 01/11/2019, às 21h00

Henrique VIII
Henrique VIII - Wikimedia Commons

No ano 2015, Henrique VIII foi considerado o pior monarca da História inglesa pela Associação dos Escritores Históricos do Reino Unido. Ele é lembrado como um tirano que dividiu religiosamente o país levando a confrontos e mortes por séculos, baseado em uma razão fútil: sua escandalosa vida de alcova. 

Henrique, que estava reinando a Inglaterra desde de 1509, morreu em 1547, aos 56 anos, com sérios problemas de saúde devido à obesidade. Segundo uma teoria moderna — supostamente também teria contraído sífilis. 

Confira abaixo algumas bizarrices sobre sua vida

DEFENSOR DA FÉ

Henrique escreveu, em 1521, um texto de mais de 30 mil palavras sob o título Defesa dos Sete Sacramentos, a fim de apoiar a Igreja Católica de Roma. O documento foi muito bem recebido, chegou até papa do período vigente, que o nomeou Defensor da Fé. Após romper relações com a Igreja, o monarca manteve o título.

Henrique VIII / Crédito: Wikimedia Commons

 

HIPOCONDRÍACO

Quando jovem, o rei já estava paranoico em contrair doenças e acabar falecendo. Duas em particular tiravam seu sono: a doença do suor e a praga. Henrique tentou evitar uma possível contaminação a qualquer custo. Deixou Londres por quase um ano devido a surtos epidêmicos e, evitava contato com aqueles que poderiam estar infectados.

MISTÉRIO PARA HISTORIADORES

Apesar de ter morrido há mais de 472 anos, a personalidade de Henrique VIII ainda intriga historiadores. O motivo para sua tirania e paranoia não são totalmente claros. No entanto, algumas teorias de destacam: o monarca não tinha sífilis, como pensavam. Se ele tivesse passado por um tratamento para a doença, seria impossível esconder os efeitos colaterais.

Outra especulação envolve as condições mentais de Henrique, que sofreu um grave acidente em 1536, e poderia ter ficado com sequelas. Isso explicaria seus comportamentos questionáveis, essa hipótese não é bem aceita por especialistas.

ENVELHECIMENTO

Mesmo tendo se prevenido de epidemias como a praga e a doença do suor. Ao longo dos anos, Henrique foi desenvolvendo outros tipos de problema, como a obesidade. Quando alcançou a meia idade, suas medidas dobraram de tamanho. E ao morrer, em 1547, estava pesando 200 quilos. Além de já não conseguir se locomover ou ficar em pé naturalmente.

Ana Bolena / Crédito: Wikimedia Commons

 

RELACIONAMENTO COM AS MULHERES

A professora Diarmaid MacCulloch, da Universidade de Oxford, disse em entrevista ao The Telegraph, em 2015: “Suas travessuras sexuais não eram tão boas para os padrões da maioria dos monarcas da época. Ele tinha seis esposas, mas ter seis esposas é a prova de que você não é muito bom com elas.”

Acredita-se que ele conquistava as damas com seu talento para música, suas habilidades na caça, sua boa forma, pois era alto e forte e, seus cabelos dourados avermelhados.


Saiba mais sobre Henrique VIII e a casa Tudor através das obras abaixo

Henrique VIII, William Shakespeare (e-book)

link - https://amzn.to/338uRQq

As seis mulheres de Henrique VIII, Antonia Fraser (2009)

link - https://amzn.to/2Ns4qOY

Os Ultimos Dias de Henrique VIII Conspirações, traições e heresias na corte do rei tirano, Robert Hutchinson (2010)

link - https://amzn.to/2oH0YHY

The Case of the Tudor Queen: A Ludovic Travers Mystery (English Edition), Christopher Bush (e-book)

link - https://amzn.to/326Lfj1

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.