Matérias » Personagem

A escandalosa vida de Henrique VIII, considerado o pior monarca da Inglaterra

Aventuras sexuais do rei deram origem a uma nova igreja — e a muita violência

Vitor Lima Publicado em 28/09/2019, às 08h00

Foto do rotundo monarca em sua maturidade
Foto do rotundo monarca em sua maturidade - Domínio Público

Em 2015, Henrique VIII foi considerado o pior monarca da História inglesa pela Associação dos Escritores Históricos do Reino Unido. Ele entrou para os anais como um tirano que dividiu religiosamente o país levando a confrontos e mortes por séculos, baseado em uma razão fútil: sua escandalosa vida de alcova. 

Na juventude, suas paixões eram as mulheres, a bebida, o carteado, os esportes equestres e o jogo de dados. A fama de boa vida não incomodava a corte — afinal, o herdeiro do trono inglês era seu irmão, o bem-comportado Arthur. Só que Arthur morreria cedo e seria Henrique o coroado aos 18 anos, em 1509, após seu pai falecer. De quebra arranjaram-lhe uma esposa, Catarina de Aragão. 

Crédito: Wikimedia Commons

 

Claro, não foi um casamento feliz. Catarina não deu um herdeiro homem ao monarca. Foi então, em 1522, que Henrique cresceu o olho para uma dama de companhia de Catarina, a bela Ana Bolena. Levou tempo, mas em 1533 os dois se casaram secretamente.

Como a Igreja Católica não reconhecia esse casamento e não anulava a união do rei com Catarina, Henrique VIII tomou uma medida que mudaria a vida religiosa inglesa para sempre: rompeu com o Vaticano e criou sua própria igreja em 1534. Na época, a Igreja Anglicana gerou um banho de sangue: 72 mil revoltosos papistas — inconformados com a separação — foram mortos no reinado de Henrique, incluindo milhares de monges e grandes intelectuais da época, como o filósofo sir Thomas Morus, ex-chanceler da Coroa.

Ana Bolena, porém, não deu a Henrique o tão aguardado herdeiro homem. Foi levada a um julgamento fajuto no qual o rei acusou-a, entre outras coisas, de adultério, incesto e magia negra. Acabou decepada em 1536. A terceira esposa do rei, Jane Seymour, teve um filho, mas morreu de febre depois do parto.

O casório com a quarta, Ana de Clèves, acabou sendo anulado. A próxima da lista foi Catarina Howard. Acusada pelo paranoico rei de infidelidade, foi decepada na Torre de Londres em 1542. A sexta e última esposa de Henrique foi Catarina Parr. 

Henrique morreu em 1547, aos 56 anos, com sérios problemas de saúde devido à obesidade. Segundo uma teoria moderna, também teria contraído sífilis