Matérias » Curiosidades

Da TV Tupi a ditadura militar: 5 fatos sobre a eterna Hebe Camargo

Conheça a história de Hebe e como ela se tornou um dos símbolos da TV brasileira

Giovanna de Matteo Publicado em 17/11/2020, às 13h22

Hebe Camargo durante evento em 2011
Hebe Camargo durante evento em 2011 - Getty Images

Uma das apresentadoras mais famosas da TV brasileira nasceu em Taubaté, interior de São Paulo, em 1929. Ao longo de sua carreira, ela fez diversos papéis, sendo que o principal foi o seu talk-show, que recebeu o seu próprio nome e ficou no ar por longos 46 anos.

Hebe Camargo muitas vezes revolucionou a televisão brasileira, e nunca deixou de ser ousada ao defender sua liberdade de expressão e suas ideias. Seu rosto sempre esteve estampado nas telinhas de toda casa tradicional brasileira.

Pensando nisso, o site Aventuras na História separou 5 fatos sobre a icônica artista.

1. Passado humilde

Hebe Camargo nasceu em posição muito humilde. Sua mãe era dona de casa e seu pai tocava violino em sessões de filme para sustentar a família. No entanto, quando o cinema mudo acabou com o advento do cinema falado, ele acabou ficando sem renda. A  solução foi se mudar para São Paulo em busca de emprego.

A futura apresentadora de TV, que na época apresentava madeixas naturais e escuras, precisou parar os estudos na quarta série para poder trabalhar como empregada na casa de uma tia.

2. Talento prodígio

Antes de iniciar a carreira de apresentadora, Hebe trabalhava como cantora /Vídeo Show/Divulgação

 

Desde cedo Hebe, já começou a se adentrar ao mundo do entretenimento. Ela tinha 12 anos quando iniciou sua carreira, onde se apresentava vestida de Carmen Miranda em programas de calouros. Ela também participou de um grupo musical chamado "Dó-Ré-Mi-Fá", do qual depois de um tempo abandonou para formar uma dupla com sua irmã Stela, que recebeu o nome de "Rosalinda e Florisbela".

Já na adolescência, virou cantora em boates e, aos 16 anos lançou seu primeiro disco solo. Depois disso ela ficou conhecida como "a moreninha do samba".

3. Na TV

Hebe foi uma das participantes que estamparam o lançamento da primeira emissora de televisão brasileira, a TV Tupi, fundada em 1950 por Assis Chateaubriand.

Alguns anos depois, ela recebeu o convite para ser apresentadora do primeiro programa de mulheres para mulheres chamado "O Mundo é das Mulheres", na TV Paulista. Esse foi o primeiro programa que exibiu uma apresentadora mulher no Brasil.

4. Até o fim

Ao longo de sua carreira, ela passou por emissoras como Bandeirantes, Record, RedeTV! e a queridinha SBT, onde trabalhou por 25 anos. Hebe Camargo só parou de exercer a profissão quando faleceu, aos 83 anos.

Todos os seus programas tiveram sucesso e uma audiência impressionante. Ao final, todas as vezes que perguntavam à ela o seu tempo de trabalho, ela respondia: "Quantos anos tem a televisão?".

5. Militância ativa

Hebe Camargo era famosa por dar selinho nos convidados de seu programa no SBT, sejam eles homens ou mulheres. Na foto acima, a apresentadora aparece com Rita Lee / Divulgação/Instagram/hebecamargooficial

 

Em meio à Ditadura Militar no Brasil, ela não tinha medo de expor seus pensametos na frente das câmeras. Mesmo sofrendo ameaças de censura, ela defendia abertamente a liberdade de expressão e fazia críticas ao governo e à repressão daquele período.

Na época de 80 ela também abraçou o movimento LGBTQIA+ e já introduzia assuntos polêmicos como direitos iguais de gênero. Nesse mesmo momento, ela admitiu ter feito um aborto quando foi convidada a falar no programa Roda Viva. Na ocasião, Hebe explicou que foi uma decisão pessoal e que as mulheres deveriam ter essa liberdade de escolha sobre suas gestações.


+Saiba mais sobre a televisão brasileira através das obras disponíveis na Amazon

Biografia da televisão brasileira, Flávio Ricco, 2017 - https://amzn.to/2UytpVZ

101 atrações de TV que sintonizaram o Brasil, Patrícia Kogut, Ebook - https://amzn.to/38a79FJ

História da televisão no Brasil: Do Início aos Dias de Hoje, Ana Paula Goulart Reibeiro, 2010 - https://amzn.to/2UBbYUz

A televisão levada a sério, Arlindo Machado, Ebook - https://amzn.to/3744s7z

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W