Matérias » Guerra do Vietnã

Há 53 anos, acontecia a caótica ofensiva do Tet

Há mais de meio século, o exército americano foi surpreendido por uma forte ofensiva liderada pelo exército norte-vietinamita durante a Guerra da Vietnã

Giovanna Gomes, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 30/01/2021, às 00h00

Vietcongues realizam juramento antes da ofensiva
Vietcongues realizam juramento antes da ofensiva - Divulgação

Hoje, 30 de janeiro, marca 53 anos desde que ocorreu a maior ofensiva coordenada da Guerra do Vietnã. Naquele 1968, o cenário foi tomado pelo caos.

Eram tropas com 84 mil homens entre soldados do Exército norte-vietnamita (ENV) e também guerrilheiros vietcongues.

O ataque mirou cinco cidades, um total de trinta e seis capitais de província, e sessenta e quatro capitais de distrito. Além disso, cinquenta aldeias no Vietnã simultaneamente se tornaram alvo.

Na data, ocorriam as comemorações do Ano Novo Lunar, o Tet, conforme a cultura local. A escolha é justificada pelo fato de que no feriado, muitos soldados do ESV estariam de folga, além de que as fortes chuvas impediriam o exército americano de realizar ataques aéreos.

A ação contrariou as expectativas do governo americano, que até então dizia que os norte-vietnamitas eram incapazes de realizar uma ação militar significativa.

Tropas vietcongues / Crédito: Divulgação

 

Objetivos

Com os ataques, o ENV buscava cumprir três grandes objetivos: promover um levante popular, desestabilizar do Exército Sul-vietnamita (ESV) e fazer com que os EUA deixassem de atuar no território. Isso parecia se tornar cada vez mais possível conforme se fortalecia o movimento pacifista nos EUA.

Havia, ainda, uma quarta intenção, mas que ocorria de maneira velada: o governo de Hanói desejava enfraquecer os vietcongues e, por esse motivo, os enviaria numa missão suicida.

Os vietcongues tiveram de se misturar com a população civil e contrabandear armas que seriam utilizadas no dia 30 de janeiro e levá-las até locais estratégicos.

A ofensiva

Naquela noite, Saigon, a capital do Sul, foi um dos principais alvos. Um grupo de 15 guerrilheiros tentou invadir a Embaixada americana local, mas sem sucesso.

Outros alvos foram Huê, antiga cidade imperial, o palácio presidencial, o aeroporto de Tan Son Nhut e o quartel-general do ESV.

Protesto em Nova York pedindo pelo fim da guerra / Crédito: Divulgação

 

Após sete dias de intenso combate, a capital foi retomada e, em seguida, também as demais cidades. 

Resultados

As expectativas do governo de Hanói foram, ao menos em parte, frustradas, uma vez que a população do sul do país não apoiou à ofensiva, além de que os vietcongues não foram tão prejudicados quanto previsto.

Entre o ENV e os vietcongues cerca de 30 mil homens perderam suas vidas ao longo do combate. Já entre o ESV e os americanos houve em torno de 11 mil baixas. Contudo, o número de civis mortos foi muito mais elevado, com 550 mil mortes.

Exército americano / Crédito: Divulgação

 

Apesar das baixas significativas, a ofensiva permitiu que as tropas do norte recuperassem grande parte das localidades sob domínio das do Sul, as quais eram apoiadas pelos EUA. Além disso, a ação também fortaleceu a ideia de uma retirada dos Estados Unidos do Vietnã.

Hoje em dia, a ofensiva do Têt é considerada como uma vitória do norte por parte do regime comunista, que segue no poder em Hanói. A guerra somente teve fim em abril de 1975.


+ Saiba mais sobre a Guerra do Vietnã por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

O Século de Sangue - 1914-2014: as vinte guerras que mudaram o mundo, de Emmanuel Hecht e Pierre Servent (2015) - https://amzn.to/35KzUZ2

Guia Conhecer Fantástico Especial 02 – 40 Anos Guerra do Vietnã, de On Line Editora (2017) - https://amzn.to/2MoFrwJ

A Guerra Inesquecível do Vietnã: A Guerra Americana no Vietnã – A Guerra da Selva, de S. F. Meaker, Scott (2016) - https://amzn.to/2VR0V8t

A menina da foto: Minhas memórias: do horror da guerra ao caminho da paz, de Kim Phuc Phan Thi (2018) - https://amzn.to/2W0v2dX

Vietnã pós-guerra - Viagens radicais: Uma aventura no Sudeste Asiático, de Airton Ortiz (2011) - https://amzn.to/2OXYwaA

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W