Matérias » Hollywood

Busca pela fama: A vida conturbada e o falso sequestro de Marie McDonald

A artista ganhou destaque por seu desempenho como cantora e atriz nos Estados Unidos, mas seus dias eram marcada por episódios de depressão e tentativas de suicídio

Nicoli Raveli Publicado em 16/04/2020, às 08h00 - Atualizado às 10h30

A jovem Marie McDonald
A jovem Marie McDonald - Divulgação

Cora Marie Frye, mais conhecida como Marie McDonald, ganhou destaque por seu desempenho como cantora e atriz americana. Apelidada por The Beautiful Body, a artista tinha o sonho de se tornar jornalista, mas escolheu entrar para o show bussiness devido aos incentivos familiares.

Dessa maneira, ela abandonou os estudos aos 15 anos para focar completamente na busca pela fama. Nos anos seguintes, ela frequentou diversos cursos de beleza e estudos de canto em Los Angeles, acompanhada do então namorado e também ator, Richard Allord. Poucas semanas depois, o noivado foi cancelado depois que Marie descobriu que o diamante que havia ganhado era falso.

O início da carreira

Sua primeira conquista aconteceu aos 17 anos. Em 1940, a garota foi chamada para participar como dançarina na produção de Earl Carroll’s Vaninties. Mais tarde, McDonald realizou outro sonho ao conseguir um emprego no programa de rádio intitulado Tommy Dorsey & Hits Orchestra, local onde ela pôde cantar diversas músicas de grandes bandas da época. Além disso, foi durante as gravações que ela conheceu o agente Vic Orsatti. Eles se casaram em 1943, mas o casamento não durou por muito tempo.

Marie McDonald em foto publicitária / Crédito: Divulgação

 

Todavia, suas vitórias não pararam por aí. Dois anos depois, a artista foi contratada pela Universal Studios e atuou em vários papéis. Não obstante, o que mais se destacou foi sua participação no filme Pardon My Sarong, que deu origem ao seu apelido, The Beautiful Body.

Já em 1943, a atriz teve destaque no filme Um Grito no Escuro. Entretanto, nos anos seguintes, a sorte não estava ao seu favor. Dessa maneira, ela ficou dois anos sem conseguir um papel de protagonista.

No final de 1945, sua carreira ascendeu novamente com a participação do filme Getting Gertie’s Garter. Dois anos depois, sua carreira sofreu com um marco negativo devido a sua participação na filmagem Living in a Big Way.

Desapontada com o acontecimento, Marie deixou de lado sua carreira e casou-se com Harry Karl no mesmo ano. Durante o relacionamento, a famosa ficou grávida, mas estava infeliz com o casamento. McDonald pediu o divórcio alegando que sentia enjoo do marido. Mais tarde, a criança nasceu morta.

Marie McDonald e Harry Karl / Crédito: Divulgação 

 

Poucos meses após a separação, o casal decidiu reatar o relacionamento. Não obstante, a artista engravidou novamente, mas foi espancada pelo marido, o que fez com que os médicos suspeitassem de que a criança estava morta. Entretanto, Tina Maria nasceu em setembro de 1956, quando seus pais já estavam separados.

Beleza exuberante

Por mais que Marie chamasse atenção devido ao seu desempenho nos filmes e peças teatrais, foi sua beleza que sempre roubou a cena. Dessa maneira, durante a Segunda Guerra Mundial, ela foi uma das celebridades de Hollywood que posou para a revista das Forças Armadas dos Estados Unidos, intitulada Yank.

Após uma turnê mundial como cantora, Marie dedicou-se novamente as filmagens e suas características físicas também foram levadas em consideração para a participação do filme O Rei dos Mágicos, de 1957.

Vida pessoal

McDonald casou-se seis vezes e sempre deixou claro que preferia um grande amor à fama. “Quando uma mulher está apaixonada, ela está realmente vivendo aquilo. Mas quando não está, não existe. O amor é mais importante para mim do que o sucesso”, afirmou a artista.

Marie McDonald e sua filha, Tina Maria / Crédito: Divulgação

 

Entretanto, sua vida amorosa contava com outro problema. Devido a inúmeros abortos, a famosa teve problemas para engravidar novamente. Após diversos questionamentos, ela decidiu adotar duas crianças, Denise e Harrison.

Com o passar do tempo, Marie se envolveu em vários relacionamentos. Entre os mais abordados pela mídia, está sua relação com o cantor Eddie Fisher. Na época, ele ainda era casado com Debbie Reynolds. O ato fez com que o nome da artista ficasse presente por muito tempo nas colunas de fofoca.

Denise e Harrison, fihlos adotivos de Marie McDonald / Crédito: Divulgação 

 

As conturbações da vida de Marie

Sua vida — que servia de matéria para diversas revistas — também foi motivo para tornar-se notícia em grandes jornais. No fim de 1957, McDonald foi encontrada de pijama em uma estrada afastada. Ao ser questionada sobre o acontecimento, a famosa afirmou que havia sido sequestrada por dois homens. Entretanto, o fato nunca foi confirmado.

Marie McDonald na noite do suposto sequestro / Crédito: Divulgação 

 

A partir de 1958, Marie desenvolveu depressão e tentou cometer suicídio diversas vezes. O suposto sequestro foi apenas uma das vezes que sua vida pessoal chamou atenção. Pouco tempo depois, os jornais locais também informaram que ela havia batido o carro em uma árvore.

Em 1963, a cantora sofreu um colapso nervoso, o que resultou em sua transferência a uma clínica psiquiátrica. Todavia, dias após sua internação, McDonald fugiu do local. Sem sucesso, foi presa por falsificar uma receita médica.

A atriz faleceu na Califórnia aos 42 anos, em 1965. De acordo com os especialistas, sua morte foi causada devido a overdose do medicamento percodan, que é utilizado no tratamento de dores moderadas a severas. Três meses após sua morte, seu último marido, Donald F. Taylor, cometeu suicídio.


+Saiba mais sobre o tema por meio das obras disponíveis na Amazon:

Hollywood: 131, de Charles Bukowski (1998) - https://amzn.to/2UXDWKe

Cenas de uma revolução: o nascimento da nova Hollywood, de Mark Harris (2011) - https://amzn.to/3c6gqAr

Hollywood Babylon: The Legendary Underground Classic of Hollywood's Darkest and Best Kept Secrets (Edição Inglês), de Kenneth Anger (1981) - https://amzn.to/2RurMWU

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du