Matérias » Música

Momentos íntimos dos Beatles já revelados por Paul McCartney: 'Diversão inocente'

Em decorrência as viagens internacionais constantes, o compartilhamento de quarto entre os membros resultou em cenas bizarras

Wallacy Ferrari Publicado em 07/03/2021, às 10h00

Os membros dos Beatles reunidos em apresentação televisionada
Os membros dos Beatles reunidos em apresentação televisionada - Getty Images

Com melodias cativantes e letras de simples compreensão, os quatro garotos de Liverpool tornaram uma amizade em uma referência na história da música mundial. Com George Harrison, Ringo Starr, Paul McCartney e John Lennon, os Beatles rodaram o mundo em uma das uniões mais perfeitas da história da indústria cultural.

Os dois últimos citados, no entanto, foram responsáveis por protagonizar os principais casos pessoais da banda; desde a união histórica na composição de diversos hits, até na divergência criativa que resultou na separação da banda. Porém, no tempo de parceria, Paul e John se uniram com unhas e dentes para tornar o grupo mais forte.

Para isso, dedicaram a década de 1960 inteira em produções musicais, filmes e turnês pelo mundo, deixando a dupla em uma rotina extremamente cansativa, lotada de estadias em hotéis, longe de casa e das pessoas queridas.

Em uma dessas ocasiões, no entanto, eles ignoraram a vergonha, como contou McCartney em uma entrevista à revista GQ, conforme repercutiu o portal Yahoo em matéria de 2018.

Paul e Lennon juntos durante composição musical no documentário "Get Back" / Crédito: Divulgação / YouTube

 

Juntos no quarto

Em uma das pausas de turnê, Lennon convidou alguns membros da equipe para sua residência, como contou Paul: "Foi assim, eu estava na casa do John e era um grupo pequeno. Ao invés de ficarmos bêbados e dar uma festa, eu nem sei se íamos passar a noite lá ou algo assim, nós estávamos sentados nessas cadeiras e as luzes estavam apagadas e alguém começou a se masturbar, então todos fizemos o mesmo“.

Em certo momento, o grupo decidiu gritar nomes de celebridades da época, como espécie de “homenagem”. Entre as citadas, McCartney disse que a atriz Brigitte Bardot foi alvo dos gritos — e brincou com a situação: “Mas era uma diversão inocente, ninguém se machucou. Nem a Brigitte Bardot”.

Apesar da estranha intimidade, ele acrescentou que a situação pode ter ocorrido mais de uma vez: “Eu acho que foi uma vez só. Talvez duas. Não era algo grande. Mas é o tipo de coisa em que você não pensa muito. Era só uma coisa de grupo. É, é um pouco pervertido quando você pensa nisso. Tem tantas coisas que você faz quando é jovem e depois pensa ‘nossa, eu fiz mesmo isso?’”.

Paul McCartney em apresentação 

 

Excessos da juventude

A união do grupo em quartos foi comentada como um privilégio de poucos momentos conturbados por McCartney na entrevista, presenciando outros momentos de importância impar dentro dos bastidores.

Um deles foi quando o grupo estava começando a excursionar pelo Reino Unido e, em uma dessas ocasiões, George Harrison perdeu sua virgindade. O detalhe era que Paul e John também estava presente no mesmo quarto — mas Ringo Starrainda não fazia parte do grupo.

O ex-beatle concluiu o assunto considerando a proximidade um fator primordial para a sintonia das criações: “Eu acho que no fim essa era uma das forças dos Beatles, essa intimidade forçada que eu sempre relaciono a colegas de exército. Porque vocês estão todos no mesmo quartel. Nós estávamos sempre um em cima do outro, então sempre nos entendemos muito bem”.


+Saiba mais sobre os Beatles em grandes obras disponíveis na Amazon:

The Beatles - A Biografia, de Bob Spitz (2006) - https://amzn.to/2CAWf1x

John Lennon Por Tras Da Fama E Da Vida Publica, de Cynthia Lennon (2009) - https://amzn.to/2WR2HrU

Beatles 1966: o ano Revolucionário, de Steve Turner (2018) - https://amzn.to/2DRxQl0

Lembranças de Lennon, de Jann S. Wenner (2001) - https://amzn.to/2rY1IJX

John Lennon: A Vida, de Philip Norman (2009) - https://amzn.to/2YomyhL

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W