Matérias » Chipre

Nicósia, a capital dividida há mais de meio século

A capital do Chipre, no Oriente Médio, encontra-se dividida entre gregos e turcos desde o ano de 1963

Giovanna Gomes Publicado em 20/01/2021, às 14h44

A Linha verde divide o território em duas partes
A Linha verde divide o território em duas partes - Wikimedia Commons

Para tentar conter o conflito entre gregos e turcos, no ano de 1963, o britânico Perrett-Young desenhou uma linha verde no mapa da capital do Chipre, Nicósia, dividindo-a em duas partes.

Como consequência, trincheiras separam o território ao longo de 180 quilômetros de uma ponta a outra. De um lado, as pessoas acabam se deparando com a República de Chipre, do outro, a República Turca de Chipre do Norte. O cenário resultou em uma história peculiar. 

Origens

Durante três séculos, especificamente a partir de 1570, o território do Chipre esteve sob domínio do Império Otomano. Já no final do século 19, os gregos que habitavam a ilha passaram a orquestrar um plano para anexá-la à Grécia.

Contudo, no ano de 1878, os ingleses entraram em cena e passaram a dominar a região, sendo que apenas em 1960 o país se viu independente. Como era de se esperar, o conflito, no entanto, nunca teve fim.

Vista aérea de Nicósia / Crédito: Wikimedia Commons

 

Alguns anos após a independência, gregos e turcos iniciaram uma incessante disputa pela capital Nicósia, que perduraria por 11 anos.

Em resposta a uma tentativa de golpe apoiado pela Grécia, no ano de 1974, a Turquia realizou uma invasão militar ao local. Assim, um terço da população grega que vivia na ilha, o que seria aproximadamente 180 mil pessoas, teve de deixar as casas e partir para o sul do território, enquanto em torno de 40 mil cidadãos de origem turca tiveram de ir para o norte.

Quatro mil pessoas perderam a vida durante o período trágico. Além disso, outros 494 cipriotas turcos e 1464 cipriotas gregos, tiveram seu destino incerto e foram declarados desaparecidos. 

A capital está dividida desde 1963 / Crédito: Wikimedia Commons

 

Desde então, a ilha está dividida entre a República de Chipre, onde vive a população grega, e a República Turca de Chipre do Norte (RTCN), que ocupa apenas um terço do território, sendo reconhecida apenas pela Turquia.

Fiscalização 

Até os dias de hoje, soldados da missão UNFICYP, criada pela ONU, fiscalizam a fronteira, com o objetivo de evitar qualquer forma de conflito que possa ocorrer no local. Entretanto, de acordo com o responsável da missão, Peter Vanek, em declaração dada à BBC, "os conflitos são limitados a alguns gestos obscenos ou a uma pedra jogada pelos recrutas de um lado ou de outro".

Um muro divide a cidade / Crédito: Wikimedia Commons

 

No ano de 2004, Kofi Annan, então secretário da ONU, propôs a unificação do território e a criação de uma república federal. Na época, 65% dos cipriotas turcos votaram a favor da proposta, contudo, entre os gregos o "não" prevaleceu.

Já em julho de 2017, por exemplo, líderes da RTCN e da República de Chipre buscaram chegar a um acordo na cidade de Crans-Montana, na Suíça. Na ocasião, muitas pessoas foram às ruas para comemorar a reunificação. Contudo, sem avanços. 


+Saiba mais sobre o Oriente Médio por meio das obras disponíveis na Amazon:

O grande Oriente Médio, de Paulo Visentini (2014) - https://amzn.to/2Zg3hBG

Jesus pela ótica do Oriente Médio, de Kenneth E. Bailey (2016) - https://amzn.to/3fXNg9k

Uma história dos povos árabes, de Albert Hourani (2006) - https://amzn.to/36bx13Q

Oriente Médio, de Marcos A. Morais (2013) - https://amzn.to/2ZfUFL7

O coração do mundo: Uma nova história universal a partir da rota da seda: o encontro do oriente com o ocidente, de Peter Frankopan (2019) - https://amzn.to/2Zn9DPs

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W