Matérias » Arte

O código enigmático escondido na Mona Lisa, segundo investigador

Detalhe nunca antes percebido poderia ajudar a decifrar a identidade da mulher retratada no mais famoso quadro do mundo

Isabela Barreiros Publicado em 20/11/2021, às 08h00

Mona Lisa, de Leonardo da Vinci
Mona Lisa, de Leonardo da Vinci - Imagem de Wikilmages por Pixabay

A obra de arte mais famosa do mundo foi pintada por Leonardo da Vinci há pelo menos 518 anos, quando o artista retratou uma mulher sorrindo enigmaticamente, apoiando uma mão em cima do braço e o outro na cadeira em que se senta.

É possível que uma moça de nome Lisa del Giocondo tenha iniciado um mistério para historiadores da arte ao posar para o polímata italiano em 1503. Ela era mãe de cinco filhos e esposa de um rico comerciante de seda florentino. Contudo, a verdadeira identidade ainda é um enigma.

Ao longo dos anos, “Mona Lisa” se tornou objeto de pesquisa de uma série de investigações, que tentam decifrar os segredos por trás das pinceladas renascentistas de Da Vinci.

Em 2010, o investigador italiano Silvano Vinceti, que é conhecido por seu trabalho com o quadro e com pintor de maneira geral, divulgou os resultados de um estudo realizado por ele no retrato de “A Gioconda”.

Relembre a descoberta!

O presidente da comissão nacional de patrimônio cultural da Itália divulgou, naquele ano, uma teoria que envolvia um código que ele afirmava ter descoberto na pintura, que seria capaz de ajudar a decifrar, afinal, quem foi a pessoa retratada em “Mona Lisa”.

De acordo com o pesquisador, Leonardo da Vinci era um amante dos códigos e teria inscrito algumas letras pequenas também no mais famoso quadro do mundo, que está no Museu do Louvre, em Paris, na França, desde 1797.

Retrato do pintor Leonardo Da Vinci / Crédito: Kirstine rosing via Wikimedia Commons

 

Como divulgou Vinceti ao jornal britânico The Guardian há mais de uma década, quando informou à imprensa os resultados da sua pesquisa, os olhos da mulher retratada guardariam um segredo: pequenas letras microscópicas, invisíveis a olho nu.

“Examinamos a pintura em detalhe e pedimos a análise de pintores experientes, que confirmaram que é pouco provável que esses sinais tenham sido colocados lá por acaso”, afirmou.

"Invisíveis ao olho humano e pintadas em preto sobre verde e marrom, estão as letras LV em sua pupila direita, obviamente as iniciais de Leonardo, mas o mais interessante está em sua pupila esquerda", continuou o especialista.

O estudo teria identificado detalhes antes nunca percebidos por pesquisadores, localizados nas pupilas de Mona Lisa. Na pupila esquerda, estaria a chave para descobrirmos a identidade da famosa mulher retratada da pintura de Leonardo da Vinci.

Segundo Vinceti, nos olhos da moça, que ainda não há consenso para a modelo em que o italiano se inspirou, estão as letras "B" e "S", além de, possivelmente, as iniciais "CE", as quais ele considera essenciais para chegar à conclusão da identidade.

Embora a teoria de que a mulher pintada pelo renascentista seja Lisa del Giocondo seja bastante aceita pela comunidade científica e de historiadores da arte, o pesquisador não concorda com a teoria.

Ele afirma que o quadro foi pintado em Milão, enquanto Lisa del Giocondo teria sido esposa de um mercador florentino. A tese sustentada pelo pesquisador sobre onde o retrato foi feito também foi investigada durante o estudo de 2010.

"Atrás do quadro aparecem os números 149, com um quarto número médio apagado, o que sugere que Da Vinci o pintou quando estava em Milão na década de 1490, usando como modelo uma mulher da corte de Ludovico Sforza, o duque de Milão", explicou.

"Leonardo gostava de utilizar símbolos e códigos para transmitir mensagens, e queria que descobríssemos a identidade da modelo através de seus olhos", finalizou SilvanoVinceti, que continua seus estudos sobre Da Vinci e a Mona Lisa.


+Saiba mais sobre Leonardo da Vinci por meio de grandes obras disponíveis na Amazon: 

Leonardo da Vinci, de WalterIsaacson (2017) - https://amzn.to/35XMNOY

Frases Essenciais: Frases de Leonardo da Vinci, de Bruce - https://amzn.to/2Q0JgKh

Leonardo da Vinci e os sete crimes de Roma, de GuillaumePrévost (2018) - https://amzn.to/2Ssjdxd

A amiga de Leonardo da Vinci, de Antonio Cavanillas de Blas (2018) - https://amzn.to/2spd7mx

Leonardo da Vinci, de Mirella Spinelli e Andréa Vilela (2015) - https://amzn.to/3607Twe

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W