Matérias » Personagem

O explorador da Antártica que teve a doença desvendada 120 anos depois

A vida do irlandês Ernest Shackleton mudou durante sua primeira expedição ao continente gelado, em 1901

Giovanna Gomes, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 09/05/2021, às 08h00

O irlandês Ernest Shackleton
O irlandês Ernest Shackleton - Divulgação/Library of Congrass

Era início do século 20, mais precisamente o ano de 1901, quando o exploradorErnestShackleton estava em meio à uma expedição ao continente gelado pela primeira vez. No entanto, o irlandês teve de voltar para casa antes mesmo de chegar ao seu destino em razão de uma doença que, durante muito tempo, permaneceu desconhecida.

Agora, 120 anos depois, um estudo publicado no Journal of Medical Biography parece ter descoberto a verdeira causa.

Diagnóstico impreciso

Conforme repercutiu uma reportagem da revista Galileu, na época em que surgiram os primeiros sintomas, um médico que acompanhava Shackleton durante a viagem afirmou que a fraqueza e a falta de ar que ele sentia eram causadas pelo escorbuto, doença provocada pela falta de vitamina C.

Contudo, um novo estudo realizado por cientistas do Hospital Geral de Massachusetts (MGH) aponta que o profissional apresentou uma “explicação incompleta” para o caso.

Ernest Shackleton / Crédito: Divuulgação/Biblioteca do Congresso dos EUA

 

Conforme declarou em comunicado o líder da pesquisa Paul Gerard Firth, “Shackleton, afinal, tinha sintomas muito leves de escorbuto quando suas dificuldades respiratórias começaram, e um escorbuto leve não causa problemas cardíacos". 

Novas descobertas

O novo estudo diz que a verdadeira doença da qual sofria o expedicionário era o beribéri, enfermidade causada pela falta de vitamina B1.

Anteriormente, havia a teoria de que Shacklenton teria sido vítima de problemas cardíacos congênitos, que agora, conforme os resultados apresentados, pode ser descartada.

Para os especialistas do MGH, o oficial teria, mais precisamente, uma cardiomiopatia induzida pelo beriéri, isto é, uma dificuldade no bombeamento de sangue. Isso explicaria a falta de ar e a fraqueza das quais o irlandês se queixava.

Busto de Shackleton no Museu da Geórgia do Sul / Crédito: Wikimedia Commons

 

Doença comum a outros exploradores

Mas não foi apenas Ernest quem sofreu com esta deficiência nutricional. Outros exploradores que partiram em expedições ao Polo Sul, também tiveram os mesmos sintomas que o irlandês.

“Muitos dos sinais do beribéri (enfermidade) vistos nos primeiros exploradores se desenvolveram após três meses de deficiência de tiamina”, declarou Lauren Fiechtner, quem é co-autora do estudo.

Fiechtner afirma que essa grande quantidade de pessoas sofrendo com a falta de vitamina B1 se deu em razão das refeições pobres em nutrientes, às quais eram submetidas durante as expedições.

Fiechtener explicou ainda que esse nutriente tão fundamental para a saúde é encontrado em alimentos de origem animal como peixes, fígado e carne de porco e também vegetal, tais como os frutas e legumes verdes. 

O navio Endurance / Crédito: Divulgação/Royal Geographical Society

 

O famoso Endurance e a última expedição

Mesmo com a deficiência nutricional e os sintomas por ela causados, Shackleton não desistiu de tentar alcançar a Antártica, feito que conseguiu realizar no ano de 1914, a bordo do navio Endurance, o qual partiu-se ao meio após ter ficado preso no gelo compactado.

A história, felizmente, terminou bem, já que todos os 28 tripulantes foram salvos por Ernest.

A última expedição do irlandês se deu no final de 1921, quando ele sofreu um ataque cardíaco. No ano seguinte, em 5 de janeiro Shacklenton faleceu dentro de sua embarcação, aos 47 anos de idade.


+ Saiba mais sobre expedições à Antártica por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

South: The Story of Shackleton's Last Expedition 1914-1917 (English Edition), Ernest Shackleton (2019) - https://amzn.to/2LSELyo

South: The Illustrated Story of Shackleton's Last Expedition 1914-1917, Vários Autores (2019) - https://amzn.to/3e89aoD

The Endurance: Shackleton's Legendary Antarctic Expedition, Vários Autores (1998) - https://amzn.to/2yoUL8g

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W