Matérias » Bizarro

O homem que encontrou uma caverna e desapareceu sem deixar rastros

Em 2014, Kenny Veach sumiu em meio ao deserto de Nevada em busca de um local misterioso

Alana Sousa Publicado em 03/10/2020, às 10h00

Imagem meramente ilustrativa da caverna da série Dark (2017)
Imagem meramente ilustrativa da caverna da série Dark (2017) - Divulgação/Netflix

Uma caverna misteriosa; um segredo perigoso e uma pessoa desaparecida sem deixar vestígios. Elementos comuns em obras de ficção científica, que fazem sucesso entre amantes de suspense, por vezes são confundidos com eventos reais. Esses são apenas alguns detalhes da enigmática saga de Kenny Veach, um aventureiro que sumiu em meio ao deserto de Nevada.

Veach atraiu atenção da internet no final de 2014, quando postou um vídeo no Youtube de uma de suas caminhadas pelo estado onde morava. Residente de Las Vegas, o homem, amava escalar e se aventurar por ambientes hostis e, muitas vezes, selvagens.

Acumulando uma série de experiências bizarras, nenhuma tinha sido tão surreal quanto o encontro de uma macabra caverna. Na ocasião, o homem postou um breve relato em sua conta na plataforma de vídeos.

“Uma vez, durante uma de minhas caminhadas pela Base Aérea de Nellis, encontrei uma caverna escondida. A entrada da caverna tinha a forma de um M maiúsculo perfeito. Sempre entro em todas as cavernas que encontro, mas quando comecei a entrar nesta caverna em particular, todo o meu corpo começou a vibrar. Quanto mais perto eu chegava da entrada da caverna, pior ficava a vibração. De repente, fiquei com muito medo e saí correndo de lá. Essa foi uma das coisas mais estranhas que já me aconteceram”.

Um desafio perigoso

A legenda foi o suficiente para atrair a curiosidade de outros usuários, que começaram a lhe mandar milhares de mensagens, os assíduos seguidores queriam que Kenny voltasse a caverna, mas gravando tudo.

Kenny em uma deses aventuras / Crédito: Divulgação/Youtube

 

As descrições de Veach sobre a caverna apenas atiçavam mais ainda o desejo de todos para que o segredo fosse revelado. “Eu faço uma caminhada solo no topo de montanhas que a maioria das pessoas não ousaria ir. Já estive em mais cavernas do que posso contar. Eu brinco com cascavéis para me divertir. Mas esta caverna em particular estava além de qualquer coisa que eu já tivesse encontrado”. 

O aventureiro foi novamente atrás da Caverna M (como estava sendo chamada), porém, para a decepção de seus mais novos fãs, nada encontrou. Explicando o que acontecera, o americano recebeu duras críticas, e outra ordem: deveria encontrar a todo custo o local misterioso. E assim o fez — ou pelo menos tentou.

Aquele novembro de 2014 foi a última vez que Kenny foi visto com vida. Após dizer para a família que iria fazer uma viagem curta, ele se dirigiu ao deserto de Mojave. Estava obstinado a conseguir provar o que havia experienciado.

Dias foram se passando e a falta de informação sobre o paradeiro de Veach foi se tornando mais assustadora. Equipes de busca e voluntários começaram a procurar dia e noite pelo homem, vivo ou morto.

Até que, semanas mais tarde, no dia 22 de novembro, seu celular foi encontrado perto de um poço de uma mina que estava abandonada há anos, entretanto, nenhum sinal de Kenny foi rastreado. As pistas tornaram-se cada vez mais escassas, até que o resgate foi oficialmente suspendido pelo comandante Dave Cummings.

Foi então que Sheryon Pilgrim, uma namorada, até então, desconhecida do desaparecido postou um longo desabafo na internet. Para ela, o parceiro havia tirado a própria vida: “Muitas pessoas estão se perguntando o que aconteceu e adivinhando coisas diferentes. Você sente o coração pela tristeza em torno do que aconteceu com Kenny. Ele não foi encontrado e sinto que provavelmente não será encontrado por muitos, muitos meses, ou nunca”. E acrescentou: “Quero que você saiba que não acho que Kenny teve um acidente. Eu acredito que ele cometeu suicídio. Ele lutou contra a depressão por muitos anos e não tomava remédios nem consultava um médico”.

O deserto de Mojave / Crédito: Wikimedia Commons

 

Teorias da Conspiração

Para muitos o que parecia ser um fim crível para uma história de sumiço, para outros era apenas uma hipótese sem credibilidade da mulher. A situação não parecia encerrada, o que abriu espaço para diversas teorias da conspiração.

Muitas teses foram levantadas, o que teria causado o desaparecimento repentino de um homem que conhecia o deserto como a palma de sua mão? Para alguns, Kenny teria, de fato, encontrado a tal caverna, mas ela esconderia um segredo obscuro, que lhe causou a morte.

Versões sobre a caverna eram as mais discutidas entre os seguidores, até mesmo a possibilidade de os militares americanos estarem por trás do óbito foi debatida. Assim como, o sumiço estar ligado a Área 51, a famosa base militar criada na Guerra Fria que supostamente esconde uma faceta sombria dos EUA, envolvendo seres de outro planeta.

Mesmo que as mais insólitas teses conspiratórias tornaram o desaparecimento de Kenny Veach em uma lenda, fato é que há seis anos, ele desapareceu sem deixar rastros, e talvez seu paradeiro nunca seja descoberto.


+Saiba mais sobre o tema por meio das obras disponíveis na Amazon

Alienígenas no Passado do Brasil: Casos insólitos antes de 1947, Edison Boaventura Júnior (e-book) - https://amzn.to/2JGooVg

UFO - O Visitante Inesperado: Avistamentos de objetos voadores não identificados no Rio de Janeiro – Brasil, Anderson Oliveira (e-book) - https://amzn.to/2N4rsMS

Grandes Mistérios da História: A teoria da conspiração e os segredos por trás dos acontecimentos, de Sérgio Pereira Couto (2015) - https://amzn.to/2DLOmmO

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3b6Kk7du